Topo

Esporte


Isner cai logo na estreia do ATP 250 de Auckland; Ferrer abandona partida

2019-01-09T10:28:00

09/01/2019 10h28

Redação Central, 9 jan (EFE).- O americano John Isner, cabeça de chave número 1 do ATP 250 de Auckland, na Nova Zelândia, foi eliminado nesta quarta-feira, ao perder para o compatriota Taylor Fritz, em dia de abandono do espanhol David Ferrer, que disputou o primeiro torneio da última temporada da carreira.

O principal favorito ao título, atual décimo colocado do ranking mundial, caiu diante do jovem, de 21 anos e 50º na classificação do circuito, por 2 sets a 0, com parciais de 7-6 (3) e 7-6 (5). A batalha entre os representantes dos Estados Unidos teve duração de uma hora e 39 minutos.

Nas quartas de final, Fritz terá pela frente o britânico Cameron Norrie, que, após despachar o francês Benoit Paire, hoje superou o português João Souza, também em sets diretos, em partida fechada com 7-6 (5) e 6-4, em uma hora e 33 minutos.

Ferrer, por sua vez, se despediu do torneio um dia após quebrar jejum de vitórias do circuito da ATP iniciado em julho do ano passado. O espanhol enfrentou o compatriota Pablo Carreño, mas, abandonou a partida no terceiro game do primeiro set, quando o placar marcava 1-1.

O veterano 36 anos, atualmente número 124 do mundo, que já anunciou a aposentadoria no fim deste ano, apresentou problema na panturrilha direita, e abriu caminho para o adversário avançar na competição. O quarto cabeça de chave pegará na sequência o alemão Jan-Lennard Struff, que despachou o neozelândes Rubin Statham por 2 sets a 0, com 6-2 e 6-1.

Ainda nesta quarta-feira, o italiano Fabio Fognini, favorito número 2, venceu o alemão Peter Gojowczyk, em jogo fechado com 6-2, 3-6 e 7-6 (5) e se classificou para encarar nas quartas um compatriota do rival de hoje Philipp Kohlschreiber, que superou o francês Ugo Humbert por 2 sets a 0, com duplo 6-4.

Outro representante da Itália Marco Cecchinato, terceiro cabeça de chave e confirmado ontem como participante do Rio Open, se despediu na segunda rodada, ao perder para o americano Tennys Sundgren em sets diretos, com duplo 6-3.

O tenista dos Estados Unidos jogará na próxima etapa contra o argentino Leonardo Mayer, que hoje bateu de virada o também italiano Matteo Berrettini, fechando partida por 2 sets a 1, com 5-7, 7-6 (5) e 6-3, em longas duas horas e 24 minutos. EFE

Mais Esporte