Topo

Esporte


Líder abandona, e chileno assume o 1º lugar geral do Dacar entre as motos

2019-01-09T15:54:00

09/01/2019 15h54

Arequipa (Peru), 9 jan (EFE).- O chileno Pablo Quintanilla, da Husqvarna, assumiu nesta quarta-feira a liderança do Rali Dacar entre as motos, em terceira etapa dura para os competidores, que tirou da disputa o espanhol Joan Barreda, da Honda, que começou o dia na ponta.

O novo primeiro colocado só ficou atrás do francês Xavier De Soultrait, da Yamaha, no trecho de San Juan de Marcona e Arequipa, de 798 quilômetros, em que 331 foram parte de uma especial. O ganhador de hoje fechou a disputa com o tempo de 4h07min42s.

Quintanilla chegou apenas 15 segundos atrás do melhor do dia, ficando a frente do argentino Kevin Benavides, da Honda, que terminou em terceiro e é o novo vice-líder do geral.

Barreda, que vinha bem, teve problemas na terceira etapa, ao ficar preso em um barranco, segundo relatou o próprio piloto, e não conseguir mais sair do local. Com isso, precisou ser retirado de helicóptero e está fora da disputa.

O austríaco Matthias Walkner, do KTM, atual campeão entre as motos, foi outro que teve problemas e despencou da segunda para a oitava posição no geral. O americano Ricky Brabec, da Honda, que era o terceiro, também teve dificuldades na navegação e agora é sétimo.

Amanhã, a quarta etapa do Dacar será de Arequipa até Moquegua, em trecho total de 611 quilômetros, sendo 405 cronometrados. EFE

Mais Esporte