Topo

Esporte


Carreño e Fognini protagonizam queda dos últimos cabeças de chave em Auckland

2019-01-10T10:10:00

10/01/2019 10h10

Redação Central, 10 jan (EFE).- O espanhol Pablo Carreño e o italiano Fabio Fognini foram eliminados nesta quinta-feira do ATP 250 de Auckland, na Nova Zelândia, que vai dessa forma para as semifinais sem qualquer cabeça de chave.

O vice-campeão de 2015 do Rio Open, que estará no torneio no próximo mês e segundo favorito do torneio, caiu diante do alemão Philipp Kohlschreiber por 2 sets a 0, com parciais de 6-3 e 6-1, em uma hora e cinco minutos de partida.

Na luta por um lugar na decisão, o número 34 do mundo terá pela frente o americano Tennys Sundgren, que hoje despachou o argentino Leonardo Mayer, também em dois sets, com 6-3 e 7-6 (5).

Carreño, que ontem avançou só tendo jogado dois games com o compatriota David Ferrer, acabou eliminado pelo também alemão Jan-Lennard Struff, ao perder por 2 sets a 1, com 7-6 (5), 6-7 (8) e 7-6 (9), em batalha de duas horas e 59 minutos.

O algoz do espanhol pegará o britânico Cameron Norrie, que hoje superou o americano Taylor Fritz, que vinha de vitória sobre o também representante dos Estados Unidos John Isner, em sets diretos, com 7-6 (3) e 6-3. EFE

Mais Esporte