Topo

Esporte


Em casa, León encara Tigres na final do Clausura e tenta quebrar jejum

2019-05-25T16:14:00

25/05/2019 16h14

León (México), 25 mai (EFE).- Sem saber o que é comemorar um título desde 2014, o León tentará quebrar o jejum de cinco anos neste domingo contra o Tigres em casa, no estádio Nou Camp, na partida de volta da final do Torneio Clausura do Campeonato Mexicano.

O time dirigido por Ignacio Ambriz fez a melhor campanha da primeira fase e chegou a emplacar uma sequência 12 vitórias, um recorde na primeira divisão do México. Também foi quem mais somou pontos na história das fases iniciais dos torneios curtos, com 41.

Entretanto, a situação na briga pelo troféu ficou difícil com a derrota para o Tigres por 1 a 0 na última quinta-feira, no Estádio Universitário, em San Nicolás de los Garza. Com isso, os 'Felinos' jogarão pelo empate neste domingo, na cidade de León.

Ao contrário do que acontece nas quartas e nas semifinais, a decisão do Mexicano não tem o gol fora de casa como critério de desempate. Se vencerem por um gol de diferença, seja qual for o placar, os 'Esmeraldas' provocarão a realização de prorrogação. Se não houver uma definição no tempo extra, o título será decidido nos pênaltis.

"A série está aberta, e no domingo é preciso ir para casa e resolver. Se quisermos ser campeões, temos que fazer um jogo perfeito", declarou Ambriz após a derrota na ida.

Para a finalíssima, o León conta com o retorno do meia Rubens Sambueza, ex-Flamengo, que cumpriu suspensão na última quinta. Por outro lado, o atacante José Juan Macías disputa o Mundial Sub-20 pelo México e é desfalque.

Em sua sexta final nos últimos dez torneios, o Tigres quer o quarto título nesse período, o sétimo no total, que lhe permitiria igualar o adversário no ranking de conquistas. Para isso, deposita as fichas no atacante Gignac, autor do gol decisivo do meio de semana. O volante Rafael Carioca, ex-jogador de Grêmio, Vasco e Atlético-MG, também tem presença confirmada na decisão.

Uma conquista neste domingo ajudaria a atenuar a frustração da torcida dos 'Felinos' em âmbito continental. No último dia 1º, a equipe dirigida pelo brasileiro Ricardo Ferretti empatou com o rival Monterrey em casa e foi vice-campeão da Concachampions pela terceira vez nos últimos quatro anos. Antes disso, em 2015, ficou com o vice da Taça Libertadores ao ser superado pelo River Plate.

Prováveis escalações:.

León: Cota; Mosquera, Navarro, Tesillo e González; Montes, Rodríguez, Mena e Meneses; Angulo e Campbell. Técnico: Ignacio Ambriz.

Tigres: Guzmán; Ayala, Torres Nilo e Salcedo; Pizarro, Rafael Carioca, Javier Aquino e Rodríguez; Vargas, Quiñones e Gignac. Técnico: Ricardo Ferretti.

Árbitro: César Ramos, auxiliado por Miguel Ángel Hernández e Christian Kiabek Espinosa.

Estádio: Nou Camp, em León. EFE

Mais Esporte