Topo

Esporte


Farfán confessa tensão durante uso do VAR, que anulou gols peruanos

2019-06-15T22:21:00

15/06/2019 22h21

Porto Alegre, 15 jun (EFE).- O atacante peruano Jefferson Farfán disse respeitar a tecnologia do árbitro de vídeo (VAR), que anulou dois gols do Peru no empate de 0 a 0 com a Venezuela neste sábado, mas confessou que o sistema deixa os jogadores apreensivos enquanto aguardam uma definição sobre os lances consultados.

"Obviamente, você fica tenso durante 30 ou 40 segundos até saber se foi gol ou não", comentou o camisa 10 do Peru.

O árbitro colombiano Wilmar Roldán, com o auxílio do VAR, anulou um gol do meia Christofer Gonzales e outro do próprio Farfán, um em cada tempo da partida.

Farfán afirmou que a partida contra a Venezuela foi muito complicada, mas se mostrou confiante em conseguir um resultado positivo diante da Bolívia, na terça-feira, no estádio do Maracanã, para deixar bem encaminhada a classificação do Peru para as quartas de final da Copa América.

Ao analisar o próprio rendimento após retornar de uma lesão na perna direita, o atacante explicou que se sentiu "confortável e motivado" para a sequência do torneio. EFE

Mais Esporte