Esporte

Federação mundial de atletismo suspende trocas de nacionalidade de atletas

Brian Homewood

Da Reuters, em Mônaco

07/02/2017 15h29

A organização que comanda o atletismo mundial, Iaaf, implementou uma suspensão imediata das mudanças de nacionalidade por atletas, dizendo que o sistema se tornou exposto a abusos e que as regras estão sendo manipuladas.

O presidente da Iaaf, Sebastian Coe, disse que um grupo de trabalho seria montado para acordar novas regras até o fim do ano.

"Tornou-se abundantemente claro que com transferências múltiplas regulares de filiação, especialmente na África, as regras atuais não são mais adequadas", disse Coe à imprensa nesta segunda-feira.

"O atletismo tem que ser baseado em equipes nacionais e está particularmente vulnerável", acrescentou.

"As regras não dão a proteção necessária para atletas, elas estão expostas ao abuso. Muitas federações recebem regularmente relatos de atletas que estão disponíveis para trocas."

A Iaaf afirmou que suspensão não afetaria os 15 pedidos para trocas já feitos.

Diferentemente de esportes como o futebol, o atletismo permite a mudança de nacionalidade dos atletas mesmo depois de eles terem representado um país em competições internacionais.

Dezenas de atletas realizaram tais mudanças antes dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo