Topo

Esporte

Investigador de ética e juiz de ética da Fifa são substituídos, diz fonte

09/05/2017 16h47

FUT-FIFA-ETICA:Investigador de ética e juiz de ética da Fifa são substituídos, diz fonte

Por Simon Evans

MANAMA (Reuters) - O principal investigador de ética e o juiz de ética da Fifa foram substituídos pelo Conselho da Fifa, disse nesta terça-feira uma fonte da entidade que controla o futebol mundial.

O juiz de ética Hans-Joachim Eckert e o investigador-chefe Cornel Borbely não terão renovados os seus mandatos, que vão até o congresso da Fifa na quinta-feira, apesar de expressarem o desejo de continuar seu trabalho de limpeza na Fifa.

Durante o período em que estiveram a cargo do Comitê de Ética da Fifa, os dois supervisionaram a suspensão e a expulsão de uma série de dirigentes, incluindo o ex-presidente da Fifa Joseph Blatter e o ex-secretário-geral Jérôme Valcke.

A investigadora colombiana Maria Claudia Rojas é a nova chefe do órgão de investigação, com Vassilios Skouris, da Grécia, ex-presidente do Tribunal Europeu de Justiça, assumindo a direção da câmara de julgamento.

A Fifa deve fazer uma declaração ainda nesta terça-feira com detalhes sobre a decisão. Borbely e Eckert não estavam imediatamente disponíveis para comentar.

O movimento segue a demissão do ex-chefe de reforma e observância Domenico Scala, no ano passado, que argumentou que os comitês independentes foram prejudicados por mudanças feitas pelo presidente da Fifa, Gianni Infantino. Infantino nega.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte