Topo

Fórmula 1

Williams rejeita sugestões de parceria com Honda

Getty Images
Equipe utilizou motores Honda em 1987, quando foi campeã com Nelson Piquet Imagem: Getty Images

Alan Baldwin

Da Reuters, em Londres

20/06/2017 20h43

A equipe Williams rejeitou sugestões de que pode retomar uma parceria na Fórmula 1 com a Honda caso a McLaren decida se separar da fabricante japonesa.

A vice-chefe da equipe, Claire Williams, disse que a equipe está feliz com sua parceria com a Mercedes e que não houve conversas com a Honda.

"Tivemos um relacionamento fantástico com ela na década de 1980, mas eu posso dizer categoricamente que não falamos com a Honda", disse à rádio TalkSPORT2 em programa que será transmitido na quinta-feira.

"Não estamos aqui prontos com um comunicado de imprensa dizendo que estamos juntando forças com ela em 2018. Nós não conversamos com ela", acrescentou.

"Nós todos sabemos que a Honda coloca uma grande quantidade de dinheiro na McLaren, mas quando eu peso os prós e contras, eu preferiria ter o orçamento que temos e ser o quarto carro mais rápido ou ter uma grande quantidade de dinheiro e terminar no P9 (nona posição) de novo?"

A Williams terminou na quinta posição geral no ano passado, em uma queda após o terceiro lugar em 2015. A equipe está atualmente na sexta posição.

A Williams e o piloto brasileiro Nelson Piquet venceram o campeonato mundial de 1987 com motores da Honda.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!