Topo

Esporte

Presidente da federação espanhola Villar renuncia a cargos na Fifa e na Uefa

27/07/2017 08h34

FUT-VILLAR-FIFA-RENUNCIA:Presidente da federação espanhola Villar renuncia a cargos na Fifa e na Uefa

ZURIQUE (Reuters) - O presidente suspenso da Real Federação Espanhola de Futebol (RFEF), Ángel María Villar, renunciou aos altos cargos que ocupava na Fifa e na Uefa após ter sido preso na Espanha na semana passada, informaram as duas entidades nesta quinta-feira.

Villar, seu filho Gorka e mais dois dirigentes da federação espanhola foram presos em 18 de julho sob suspeita de conluio, recebimento de propina e falsificação de documentos. Villar, que nega as acusações, teve negado um pedido de fiança.

O espanhol é o mais recente dirigente do futebol mundial a ser preso ou suspenso por acusações de corrupção, em um escândalo que atingiu diversos países, incluindo o Brasil.

Um porta-voz da Fifa confirmou à Reuters que Villar, de 67 anos, renunciou a seus cargos como vice-presidente da Fifa e membro do Conselho da federação internacional, do qual fazia parte desde 1998.

A Uefa também confirmou que Villar renunciou após 25 anos em seu comitê-executivo.

Villar, ex-jogador da seleção espanhola, está há 29 anos na presidência da federação espanhola, tendo sido reeleito para um oitavo mandato em maio.

(Por Brian Homewood)

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte