Topo

Esporte

Cortejado pelo Barça, Coutinho pede transferência do Liverpool

11/08/2017 15h41

FUT-COUTINHO-BARCA:Cortejado pelo Barça, Coutinho pede transferência do Liverpool

Por Neil Robinson e Richard Martin

LONDRES/BARCELONA (Reuters) - Cortejado pelo Barcelona, Philippe Coutinho entregou um pedido de transferência formal ao Liverpool, desafiando a insistência do clube do Campeonato Inglês de que não irá liberá-lo, noticiou um jornal britânico nesta sexta-feira.

Depois de relatos de que o Liverpool rejeitou uma segunda oferta de 100 milhões de euros do Barça, que já havia tido uma oferta de 80 milhões de euros pelo meio-campista de 25 anos descartada no mês passado, o Fenway Sports Group, proprietário do time inglês, emitiu um comunicado.

"Queremos oferecer um esclarecimento quanto à nossa posição sobre uma possível transferência de Philippe Coutinho", disse o comunicado do grupo no site oficial do Liverpool (www.liverpoolfc.com).

"A postura definitiva do clube é que nenhuma oferta por Philippe será cogitada e que ele permanecerá um membro do Liverpool Football Club quando a janela de transferência do verão fechar."

Mas pouco depois o Liverpool Echo noticiou que Coutinho enviou um email ao diretor de esportes do Liverpool, Michael Edwards, expressando seu desejo de mudar de time.

O Liverpool não respondeu a um pedido de comentário.

Ao emitir o comunicado, o clube esperava ter adotado uma postura rígida suficiente para encerrar o assunto da transferência.

No lugar disso, endureceu o discurso menos de 24 horas antes de seu jogo de estreia na liga inglesa contra o Watford, do qual o técnico Juergen Klopp dispensou o brasileiro devido a uma lesão.

Para muitos em Merseyside esse cenário é sinistramente familiar, já que Fernando Torres, Javier Mascherano, Xabi Alonso, Luis Suárez e Raheem Sterling partiram quando o time esperava que eles ficassem.

Desta vez, o Fenway e Klopp investiram capital pessoal para demover Coutinho e o Barcelona.

Aproximadamente na mesma ocasião em que Coutinho preparava seu email, Klopp estava dizendo: "O Liverpool não é um clube que precisa vender. Isso está gravado na rocha... (não há) nenhum preço diante do qual estejamos dispostos a ceder".

O teste desta afirmação virá nas próximas duas semanas, mas o Liverpool sabe que, mesmo que o Barcelona volte com uma terceira proposta ultrapassando os 100 milhões de euros, provavelmente é tarde demais para a equipe gastar o dinheiro sensatamente.

O Liverpool já fracassou na tentativa de conquistar seus dois alvos principais na janela de transferência, Naby Keita e Virgil van Dijk. Tentar atrair um substituto comparável para Coutinho, artilheiro do time na última campanha com 14 gols, deve ser ainda mais difícil.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte