Topo

Esporte

Presidente do Benfica é apontado como suspeito em investigação de corrupção

31/01/2018 15h12

PORTUGAL-BENFICA-CORRUPCAO:Presidente do Benfica é apontado como suspeito em investigação de corrupção

LISBOA (Reuters) - Procuradores de Portugal identificaram formalmente o presidente do time de futebol Benfica, Luis Filipe Vieira, como suspeito em uma investigação sobre um esquema de corrupção que também envolve um juiz de alto escalão, informou a Procuradoria-Geral nesta quarta-feira.

O vice-presidente do clube de Lisboa, Fernando Tavares, também é suspeito no caso, além de 10 outras pessoas, cinco das quais detidas em uma operação da polícia na terça-feira.

O advogado do time, João Correia, não quis comentar a investigação sobre nenhum deles. O Benfica disse que o inquérito não tem nada a ver com o clube propriamente dito. Vieira e Tavares não estavam disponíveis de imediato para comentar.

Ainda na terça-feira a polícia fez uma operação nas instalações dos campeões portugueses e na casa de Vieira, entre outros lugares de Lisboa e outras localidades.

A Procuradoria-Geral disse que a investigação tem como foco "suspeitas de aceitação de vantagens indevidas, ou possivelmente corrupção, lavagem de dinheiro, tráfico de influência e sonegação fiscal", mas não forneceu maiores detalhes.

No sistema legal português, ser indicado como suspeito formal, ou "arguido", significa que a pessoa pode ser interrogada em uma investigação se provas forem apresentadas contra ela, embora ainda desfrute de uma vasta gama de direitos.

(Por Andrei Khalip)

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte