Topo

Esporte

Torcedores e jogadores dizem adeus a capitão da Fiorentina

08/03/2018 11h50

FUT-FIORENTINA-CAPITAO-HOMENAGEM:Torcedores e jogadores dizem adeus a capitão da Fiorentina

FLORENÇA, Itália (Reuters) - Milhares de torcedores e dezenas de jogadores se reuniram nesta quinta-feira para dar adeus a Davide Astori, capitão da Fiorentina e membro da seleção da Itália que morreu subitamente, aos 31 anos, no domingo.

A morte de Astori deixou o futebol italiano em estado de choque. Todos os jogos da primeira divisão foram cancelados no domingo, e tanto a Fiorentina quanto o Cagliari, ex-clube de Astori, anunciaram que aposentarão a camisa 13 do zagueiro.

O velório foi realizado na Basílica de Santa Cruz, em Florença, mas o público foi grande demais para caber na igreja, por isso o áudio da cerimônia foi transmitido aos torcedores, muitos deles aos prantos, que preenchiam a praça do lado de fora.

O corpo de Astori chegou em um carro Maserati branco enquanto torcedores acenavam com bandeiras roxas e brancas da Fiorentina e erguiam cachecóis do time. Cravos roxos e brancos foram depositados sobre o caixão.

"Só existe um capitão", cantaram os torcedores enquanto o corpo de Astori era retirado da igreja.

Astori, que disputava sua décima temporada na liga italiana, foi encontrado morto em seu quarto de hotel em Udine, onde a Fiorentina deveria enfrentar a Udinese no domingo. Acredita-se que ele morreu de ataque cardíaco, de acordo com a Procuradoria-Geral de Udine.

Nascido na Lombardia, no norte da Itália, Astori se tornou capitão do time de Florença no ano passado.

"Ele sempre foi e sempre será um florentino", disse o cardeal Giuseppe Betori, arcebispo da cidade, em sua homilia.

(Por Antonio Denti)

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte