Topo

Esporte

Em áudio vazado, Simeone diz que Argentina parece perdida e questiona Messi

22/06/2018 09h37

FUT-COPA-SIMEONE-ARGENTINA:Em áudio vazado, Simeone diz que Argentina parece perdida e questiona Messi

Por Richard Martin

NIZHNY NOVGOROD (Reuters) - O argentino Diego Simeone, técnico do Atlético de Madri, disse que a seleção da Argentina parece perdida e não tem liderança, depois da derrota de 3 x 0 para a Croácia que a deixou à beira de uma eliminação catastrófica na Copa do Mundo, em uma mensagem de áudio vazada a rádios espanholas e argentinas.

O comentário impactante de Simeone, supostamente uma mensagem de áudio enviada por WhatsApp ao técnico assistente do Atlético, Germán Burgos, veio à tona depois da pior derrota da Argentina na fase de grupos de uma Copa do Mundo desde 1958.

O assessor de imprensa de Simeone e o chefe de comunicações do Atlético não atenderam a pedidos da Reuters para comentar o áudio.

"O que está acontecendo com a seleção agora é o que aconteceu com a Argentina nos últimos quatro anos vergonhosos: anarquia, nenhuma liderança dos jogadores, técnicos ou diretores. A seleção está perdida", disse o ex-jogador na gravação.

"Neste momento eles estão brigando no vestiário. Alguém tem que criar coragem e lutar", acrescentou.

Simeone também pareceu questionar a verdadeira qualidade do astro Lionel Messi, que teve ainda não brilhou no torneio da Rússia e perdeu um pênalti contra a Islândia na estreia no Grupo D, enquanto seu rival Cristiano Ronaldo já marcou quatro gols para Portugal.

"Messi é muito bom, mas ele é muito bom por estar acompanhado de jogadores extraordinários. Se você tiver que escolher entre Messi e Ronaldo em um jogo normal, quem escolheria?", indagou Simeone.

Na suposta mensagem a Burgos, Simeone ainda criticou o goleiro da Argentina, Willy Caballero, por falhar no primeiro gol da Croácia ao entregar a bola nos pés de Ante Rebic.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte