Topo

Esporte

Técnico do Senegal critica sua defesa após empate por 2 x 2 com o Japão

24/06/2018 17h43

FUT-COPA-SENEGAL-TECNICO:Técnico do Senegal critica sua defesa após empate por 2 x 2 com o Japão

Por Mark Trevelyan

ECATERIMBURGO, Rússia (Reuters) - O técnico de Senegal, Aliou Cissé, criticou sua equipe por permitir que o Japão igualasse o placar por duas vezes na partida da segunda rodada do grupo H da Copa do Mundo neste domingo, dizendo que esperava mais dos defensores Kalidou Koulibaly e Salif Sané. 

Em um jogo empolgante, porém repleto de erros, os africanos abriram o marcador com Sadio Mané e dominaram a maior parte do primeiro tempo até que Takashi Inui igualasse com um chute para o Japão. Após o intervalo, no entanto, o Japão atacou mais.

"É claro que há pesares mas precisamos dizer que não vimos um grande time do Senegal hoje, se compararmos com a partida anterior contra a Polônia", disse Cissé. 

"Apesar do fato de liderarmos o placar duas vezes, o que me irrita são os dois gols que tomamos", acrescentou, acusando seus jogadores de faltarem com rigor e concentração. 

"Tudo o que sei é que nesse nível de competição, com os jogadores que temos hoje, que jogam entre os melhores do mundo, esses gols eram evitáveis. Isso está muito claro". 

Embora o treinador não tenha elaborado quais foram as falhas, o comentário foi particularmente verdadeiro em relação ao gol de Keisuke Honda, que empatou o jogo em 2 x 2 depois que Moussa Wague havia colocado o Senegal à frente no segundo tempo. 

"A melhor equipe em campo foi o Japão, temos que admitir", disse Cissé, que, como capitão, levou o Senegal às quartas de final no mundial de 2002. "Estávamos ganhando a posse de bola e depois perdendo (...) Eu achei que houve uma série de erros técnicos também, muitos". 

O técnico também não poupou comentários sobre o desempenho de seus principais jogadores. Sadio Mané, que joga pelo Liverpool, foi melhor do que na vitória por 2 x 1 contra a Polônia na primeira partida do grupo, mas segundo Cissé: "Sim, é claro que ele pode fazer melhor". 

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte