Topo

Esporte

Técnico do Japão confessa ter evitado riscos para avançar na Copa do Mundo

28/06/2018 16h53

FUT-COPA-JAPAO-TECNICO:Técnico do Japão confessa ter evitado riscos para avançar na Copa do Mundo

Por William Schomberg

VOLGOGRADO, Rússia (Reuters) - O técnico do Japão, Akira Nishino, sabia que fazia uma aposta arriscada na Copa do Mundo nesta quinta-feira ao instruir sua seleção a se conformar com uma derrota de 1 x 0 para a já eliminada Polônia e que rezou para o Senegal não roubar a vaga de seu país nas oitavas de final.

A Arena Volgogrado teve vaias dos torcedores enquanto os jogadores japoneses trocavam passes apaticamente nos minutos finais do último jogo do Grupo H, e os poloneses, contentes com pontos de consolação, preferiram não desafiá-los.

    A estratégia de alto risco poderia ter dado errado facilmente para o Japão se o Senegal empatasse com a Colômbia em Samara.

Os africanos acabaram perdendo de 1 x 0 para os sul-americanos e foram eliminados pela mais estreita das margens para o segundo colocado Japão – uma contagem maior de cartões amarelos depois de terminarem empatados em pontos, saldo de gols e número de gols marcados.

    "Não buscamos a vitória, só contamos com a outra partida", disse Nishino aos repórteres. "Isso foi ligeiramente lamentável, mas suponho que àquela altura eu não tinha nenhum outro plano".

    "Realmente não estou satisfeito com a maneira como jogamos hoje, mas... queríamos ir para as oitavas de final e fomos, e essa é a única salvação que tenho".

    Nishino disse que deu instruções claras ao resto do time quando enviou o meio-campista Makoto Hasebe em uma substituição no segundo tempo – nada de riscos nem de cartões amarelos.

    "E se tomássemos outro gol e ficasse 0 x 2? Avançamos. Portanto, talvez tenha sido a decisão certa".

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte