Topo

Esporte


IFAB estuda formas de reduzir tempo de bola parada após recorde negativo no Campeonato Inglês, diz mídia

02/10/2018 12h40

(Reuters) - A entidade responsável pelas regras do futebol analisará planos para diminuir o tempo de bola parada depois que a partida do Campeonato Inglês entre Cardiff City e Burnley no domingo bateu um recorde negativo de tempo de bola em jogo, noticiaram jornais ingleses nesta terça-feira.

A bola correu durante apenas 42 minutos e 2 segundos dos 90 minutos regulamentares durante a vitória de 2 x 1 do Burnley. Segundo reportagens, o lateral Sean Morrison, do Cardiff, levava em média 25 segundos em cobranças de laterais.

Tratou-se do menor tempo de bola em jogo em uma partida da liga inglesa desde os 40 minutos e 50 segundos do embate entre Stoke City e Aston Villa em dezembro de 2013.Uma reportagem do jornal The Times, de Londres, disse que a International Football Association Board (IFAB) está estudando "uma série de novas ideias" para melhor o tempo de bola em jogo, parte de sua estratégia 'Jogo Limpo'."Todos nós queremos acabar com o grande desperdício de tempo e aumentar o tempo de bola em jogo, mas a questão fundamental é como o fazemos", disse uma fonte da IFAB, segundo relatos.Qualquer mudança ou teste proposto será debatido e possivelmente implantado na reunião anual da IFAB, que acontecerá em março de 2019 na Escócia.(Por Christian Radnedge)

Mais Esporte