Topo

UOL Esporte vê TV


Ex-atacante Edílson, sobre denúncia de fraude em loteria: 'Fui absolvido'

'Pedi para tocar nesse assunto porque as pessoas merecem saber a verdade', disse o ex-jogador no programa Conversa com Bial Imagem: Rede Globo/Reprodução

Jonathan Pereira

Colaboração para o UOL

17/08/2019 10h37

Edílson, ex-atacante campeão da Copa do Mundo de 2002 com a seleção brasileira, relembrou a denúncia de um suposto envolvimento em esquema que cometia diversos tipos de fraude, entre as quais o recebimento indevido de prêmios de loterias esportivas, em 2015.

No programa Conversa com Bial exibido pela Rede Globo entre ontem e hoje, o ex-jogador esclareceu como ficou a situação.

"A acusação foi que atendi o telefone, o telefone dessa pessoa estava grampeado e me envolveram nessa operação. Não sabia nem o que era, não tinha noção. Fui absolvido, mas se não tivesse oportunidade de falar sobre isso, ninguém saberia, as pessoas têm essa imagem. Pedi para tocar nesse assunto porque as pessoas merecem saber a verdade", disse.

O esquema ilícito consistia em captar e validar prêmios não sacados pelos ganhadores do prêmio. A quadrilha falsificava bilhetes premiados e retiravam a premiação junto à Caixa, cujos valores eram divididos pelos integrantes da quadrilha.

Edílson, ex-jogador de clubes como Palmeiras, Corinthians, Flamengo, Cruzeiro, Vasco da Gama, Vitória, Bahia e Guarani, também analisou o futebol atual. "Somos carentes de jogadores mais alegres, de jogadas bonitas e irreverentes", opinou.