Esporte

Galvão detona CBA em polêmica com filho na Stock: "o pai vai aos tribunais"

Zé Paulo Cardeal/TV Globo
Galvão saiu em defesa de Caca Imagem: Zé Paulo Cardeal/TV Globo

Do UOL, em São Paulo

29/02/2016 14h40

O narrador Galvão Bueno usou as redes sociais para se manifestar sobre polêmica envolvendo comissários e auxiliares da Stock Car, categoria automobilística onde o filho Cacá, alvo de punições no passado, corre. Reportagem da Folha de S.Paulo desta segunda revelou trocas de mensagens entre esses profissionais que atuam no circuito e que colocariam em xeque a isenção desses fiscais.

"Eu disse no ano passado no Bem Amigos que um dia a caixa preta da CBA seria aberta!! Foi!! Agora é vassoura grande e vai varrendo!! Um inquérito terá que ser aberto e os culpados eliminados do esporte!! Essa é a posição do jornalista!! O pai vai aos tribunais!!", disparou o narrador em seu Instagram, repostando desabafo do próprio filho sobre o assunto na mesma rede social.

"Bom, a semana da abertura do campeonato infelizmente ou felizmente começa assim, algo que todo mundo sabia mas nunca tivemos provas. Os comissários fazem 2 pesos e 1 medida e jogam um jogo de cartas marcadas. São moleques no mínimo, eles mesmo admitem. E dentro da CBA tem gente sem o menor senso do ridículo, eles confessaram ta ai pra todo mundo ler mas tem gente graúda que segue defendendo a postura deles. Ficaram perguntas no ar: foi da cabeça deles?? Teve envolvimento da CBA ou de promotores São só moleques ou algo mais? Quem investiga é quem fez a irregularidade?? Eu estava errado no que falei no Rádio ano passado? Infelizmente o prejuízo a minha imagem, desportivo e financeiro, é incalculável. Acho que é a ponta do iceberg e que seja uma oportunidade de limpar o nosso esporte", pronunciou-se Cacá Bueno.

"Vamos desclassificar ele [Cacá Bueno] por alguma coisa na próxima etapa", escreveu via aplicativo WhatsApp o auxiliar de comissário Paulo Ygor Dias em 7 de abril de 2015, apontou a reportagem. "Bom, na minha época o Cacá foi 3 vezes vice pq eu não estava a fim de deixar ele ser campeão! Kkk", vangloriou-se na época o comissário Clóvis Matsumoto, divulgou o jornal, entre outras mensagens ali reveladas que revoltaram Galvão e seu filho piloto Cacá Bueno.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo