Esporte

FIA investigará acidente que fez piloto britânico ter pernas amputadas

British F4/Divulgação
Billy Monger perdeu as duas pernas no acidente na Fórmula 4 Imagem: British F4/Divulgação

Do UOL, em São Paulo

25/04/2017 11h16

A Federação Internacional de Automobilismo (FIA) decidiu investigar o acidente que fez o piloto Billy Monges perder as duas pernas aos 17 anos de idade. O desastre aconteceu por causa do choque com Patrik Pasma na Fórmula 4 britânica.

“Até que o inquérito seja concluído, não pode haver mais comentários sobre as especificidades do incidente. A Motor Sports Association está apoiando Billy e sua família neste momento difícil”, falou a MSA em declaração oficial.

O piloto britânico ainda está internado em Nottingham. Ele foi operado dias depois do acidente.

A situação de Billy Monger gerou grande comoção no automobilismo. Uma campanha busca a arrecadação de verbas para ajudar no tratamento do piloto e já arrecadou o equivalente a R$ 1,8 milhão.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo