Esporte

Acusado de atropelar campeão de MotoGP é denunciado por assassinato

AP Photo/Bernat Armangue
Nicky Hayden, campeão da Moto GP de 2006, em ação na categoria Imagem: AP Photo/Bernat Armangue

Do UOL, em São Paulo

22/09/2017 09h35

De acordo com reportagem do jornal espanhol "Marca", o motorista acusado de atropelar Nicky Hayden foi acusado de homicídio. Os peritos do juizado de Rimini, responsável pela investigação da morte do campeão da temporada 2006 da MotoGP, afirmam que o acidente foi o motivo do óbito.

Segundo os peritos, o motorista guiava seu casso a 72,8 km/h, em região cuja velocidade máxima é de 50 km/h. Hayden, por sua vez, andava de bicicleta a 20,6 km/h. O ex-piloto tinha preferência no cruzamento, que não foi respeitada na ocasião.

"Ele teria evitado completamente o acidente reagindo e freando", diz relatório da perícia, que julga que Hayden não teria morrido se o motorista respeitasse a velocidade máxima do local do atropelamento.

Assim, o condutor do carro pode pegar até 30 anos de cadeia. Sua defesa tem 20 dias para apresentar suas considerações antes do início do julgamento.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Mais Esporte

Topo