Topo

Esporte


Brasileiro que sofreu grave acidente em Monza segue na UTI, mas estável

Do UOL, em São Paulo

2018-10-02T21:38:24

02/10/2018 21h38

Nove dias após sofrer grave acidente no Autódromo de Monza, na Itália, o piloto brasileiro Alan Hellmeister segue na UTI (Unidade de Terapia Intensiva). Além de fraturas em ambas as pernas, ele ainda apresenta quadro de embolia gordurosa, mas mostra evolução e não corre riscos. As informações são do site Motorsport, segundo comunicado oficial divulgado nesta terça-feira (2).

O piloto quebrou o fêmur e a tíbia da perna direita, também o pé esquerdo. Agora é tratado por embolia gordurosa, uma consequência comum em casos de fraturas de ossos longos. Para evitar a reincidência de tal problema, nesta sexta-feira (5) Alan deve passar por procedimento cardiovascular preventivo. Há ainda a necessidade de nova cirurgia ortopédica nos próximos dias.

Hellmeister está internado no Hospital San Gerardo, em Monza, desde o último domingo (23). Ele disputava uma etapa do GT Open International e, logo após receber a bandeira quadriculada, foi tocado e não conseguiu evitar que sua Mercedes acertasse em cheio o muro interno da reta principal. A batida foi tão forte que o motor e a transmissão do carro foram arrancados da carroceria (veja no vídeo acima).

Após a batida, o piloto brasileiro foi levado ao Centro Médico de Monza, estando consciente em todos os momentos. Uma vez estabilizado, foi então encaminhado para o Hospital San Gerardo, na mesma província do circuito.

Mais Esporte