Topo

Vôlei

Sollys vence e Minas perde cubana para jogo decisivo; RJX é o primeiro semifinalista

Divulgação/Sollys
Adenízia (à esquerda) voltou e foi o destaque da vitória do Sollys Imagem: Divulgação/Sollys

Do UOL, em São Paulo

24/03/2012 16h09

Neste sábado, o Sollys/Nestlé saiu na frente nas semifinais da Superliga Feminina de vôlei. O time paulista recebeu o Minas em Osasco e venceu por 3 sets a 1, com parciais de 25-7, 25-20, 19-25 e 25-18.

Além do resultado adverso, o Minas perdeu também a cubana Daymi Ramirez, que levou cartão amarelo e não poderá atuar no jogo de volta.

Para vencer, o Sollys contou com boa atuação de Adenízia, que, com uma lesão no tornozelo direito, era dúvida até minutos antes da partida começar. A central anotou 13 pontos e foi eleita a melhor em quadra.

“Realmente, a minha presença em quadra era duvidosa por causa da lesão no tornozelo, mas acreditei e confiei no Fernandinho e deu tudo certo. Quero agradecê-lo, pois graças a ele pude atuar normalmente”, disse a jogadora, agradecendo ao médico da equipe.

Também neste sábado, o RJX se tornou o primeiro semifinalista da Superliga Masculina. Jogando em casa, a equipe carioca, que disputa a competição pela primeira vez, venceu o Sesi-SP por 3 sets a 2, com parciais de 26-24, 18-25, 25-14, 24-26 e 15-12, em jogo que durou 2h13.

“Acho que ninguém esperava chegarmos às quartas de final e ganharmos em dois jogos depois de uma fase classificatória irregular. Essas vitórias irão dar muita moral para a nossa equipe continuar. Sem dúvida, ganhar do atual campeão vai dar uma motivação a mais”, disse Theo, responsável pelo ponto que fechou o jogo.

Na próxima fase, o time carioca enfrentará Vôlei Futuro ou Campinas.