Topo

Vôlei

Ricardinho bate Marlon, Vôlei Futuro supera RJX após briga e chega à final da Superliga Masculina

Pierre Duarte/VIPCOMM
Vôlei Futuro, de Lorena, está na final da Superliga Masculina Imagem: Pierre Duarte/VIPCOMM

Do UOL, em São Paulo

13/04/2012 23h31

Nesta sexta-feira, o Vôlei Futuro garantiu vaga na decisão da Superliga Masculina de vôlei ao vencer o RJX em jogo tenso por 3 sets a 1, parciais de 25-22, 25-18, 29-31 e 25-21. A equipe paulista, derrotada no primeiro jogo da série, venceu os dois últimos para obter a virada e a classificação.

Na decisão, que será disputada no próximo dia 21, o Vôlei Futuro vai enfrentar o Cruzeiro, que nas semifinais venceu o Minas por 2 a 0.

A partida marcou o duelo entre os levantadores Ricardinho e Marlon. O primeiro, que pode ser incluído por Bernardinho nas próximas convocações da seleção brasileira (leia mais ao lado) levou a melhor sobre o segundo, que atualmente faz parte da equipe nacional.

A partida

O Vôlei Futuro começou bem o jogo e, com uma boa série de saques de Michael e de pontos de bloqueio, logo abriu 9-2. O meio de rede voltou a fazer um ace na parte final do primeiro set – ao todo, foram três na parcial – e ajudou os donos da casa a fecharem em 25-18, segurando uma tentativa de reação do RJX no fim.

No segundo set, foram os cariocas que começaram melhor. O RJX chegou a abrir de vantagem, mas o Vôlei Futuro reagiu e, com quatro pontos seguidos, virou para 13-12. A partir daí, os donos da casa dominaram o placar e fecharam em 25-22.

Jogadores do RJX discutem em quadra

O terceiro set começou com o Vôlei Futuro bloqueando Dante para abrir 1-0. Forte no fundamento, a equipe da casa foi se distanciando aos poucos no placar, causando a insatisfação dos atletas do RJX, que começaram a discutir.

Riad causou a insatisfação de Dante e Marlon após reclamar. Irritado, o meio de rede foi para os vestiários ainda no início da terceira parcial ao ser substituído. No entanto, ele voltou ao banco poucos pontos depois e pediu desculpas aos companheiros.

No fim do set, os jogadores dos dois lados mostraram nervosismo. Mário Júnior, do Vôlei Futuro, e Dante, do RJX, chegaram a discutir. As discussões inflamaram os visitantes, que levaram a melhor e fecharam por 31-29 em set de mais de 40 minutos.

Vôlei Futuro fecha a partida

Recuperando-se da derrota na terceira parcial, o time da casa entrou mais concentrado no quarto set. Abrindo vantagem logo no início, a equipe da casa mostrou bom desempenho nos saques para controlar o placar, fazer 25-21 e fechar o jogo.