Topo

Vôlei


Cuba "entrega" um set inteiro, e Brasil vence no tie break no Grand Prix

Divulgação/FIVB
Jogadoras da seleção brasileira comemoram vitória por 3 sets a 2 sobre Cuba Imagem: Divulgação/FIVB

Do UOL, em São Paulo

2012-06-22T11:03:53

22/06/2012 11h03

A seleção brasileira feminina estreou com vitória na terceira semana do Grand Prix de vôlei. Contando 41 erros adversários, o que equivale a mais de um set inteiro entregue desta forma, o Brasil bateu Cuba de virada por 3 a 2, com parciais de 29-30, 25-18, 25-19, 24-26 e 15-8.

Com o resultado, o time brasileiro chegou ao sexto triunfo em sete partidas e ocupa a sexta colocação na atual edição do Grand Prix. A equipe volta à quadra neste sábado contra Porto Rico e encerra sua participação nesta fase da competição no domingo diante da China.

O grande destaque do duelo foi Jaqueline, maior pontuadora brasileira. A atleta marcou 16 pontos de ataque e foi, ao lado de Fabiana, o nome da seleção nos momentos decisivos.

O jogo começou equilibrado, com ligeira vantagem cubana, mas o Brasil logo se acertou com bons ataques de Jaqueline e deslanchou. Depois de chegar ao primeiro tempo técnico atrás, a equipe brasileira se impôs e, graças a muitos erros adversários, abriu boa vantagem.

O Brasil chegou a estar vencendo a parcial inicial por 20 a 13, mas permitiu a reação das rivais, que chegaram ao empate em 22 a 22. O equilíbrio persistiu até que a seleção de Cuba conseguiu fechar em 31 a 29.

As cubanas começaram o segundo set errando, mas logo se recuperaram. O enredo foi semelhante à parcial anterior. Cuba passou a primeira parada técnica à frente, mas, explorando as falhas das rivais, o Brasil se recuperou e tomou a liderança na metade da disputa.

A diferença foi que, desta vez, o time brasileiro se manteve concentrado e não deu chance de reação às cubanas. Ao abrir sete pontos de frente, as brasileiras tiveram apenas de administrar o placar para fechar em 25 a 18 e empatar o jogo em 1 a 1.

A seleção comandada por José Roberto Guimarães voltou com a mesma pegada para o terceiro set e não encontrou uma rival à altura em quadra. O Brasil dominou as ações desde o início da parcial e não teve problemas para vencer por 25 a 19. Novamente os ataques de Jaqueline e os muitos erros cubanos fizeram a diferença.

A concentração brasileira foi embora durante o início do quarto set e o time cometeu quatro erros antes mesmo do primeiro tempo técnico. Principal pontuadora cubana, Palacios acordou e liderou sua equipe ao empate: 26 a 24 e 2 sets a 2.

Mas quem esperava novo equilíbrio no tie break se surpreendeu. O quinto set começou como um verdadeiro massacre brasileiro. A seleção chegou a estar vencendo por 11 a 3, mas tirou o pé do acelerador e fechou em 15 a 8.