Topo

Vôlei


CBV nega ter recebido novos pedidos de atletas transexuais após Tifanny

Paulo Camilo/UOL
Tifanny Abreu, jogadora de vôlei Imagem: Paulo Camilo/UOL

Do UOL, em São Paulo

2019-04-02T11:32:58

02/04/2019 11h32

A Confederação Brasileira de Vôlei negou a informação de que teria recebido pedidos de registro de atletas transexual. A entidade confirmou que não foi procurada para inscrição de competidoras que tenham nascido ou tido registro social como homem.

"Em relação a segunda pergunta, a Confederação Brasileira de Voleibol não recebeu nenhum novo pedido de registro de alguma atleta mulher que tenha nascido/tido registro social como homem", informou a entidade em nota oficial.

Na última segunda-feira, a ex-jogadora Ana Paula Henkel chegou a divulgar que teria recebido uma informação que existiriam "nove pedidos" de atletas transexuais para jogar a Superliga Feminina. No post, ela pedia a confirmação da CBV.

A resposta da CBV é para a postagem de Ana Paula que disse que uma pessoa da entidade teria confirmado três pedidos.

"Acabo de confirmar com uma pessoa da própria CBV que existem pedidos, sim, de transexuais para atuarem na Superliga Feminina e que atualmente três casos estão sobre a mesa para análise e possível aprovação", escreveu a ex-jogadora.

A entidade que comanda o vôlei brasileiro e responsável pela Superliga ainda afirmou que foi consultada por federações locais sobre o critério adotado para a inclusão de atletas transexuais. A CBV informou que segue o consenso do Comitê Olímpico Internacional de novembro de 2015.

A regra citada pela CBV exige que atletas tenham um ano abaixo de 10 nmol/L nos níveis de testosterona para que segue liberada. A partir daí, ela precisa manter essa taxa.
A CBV ainda esclarece que o período de inscrições para a Superliga foi encerrado em janeiro deste ano.

"A Confederação Brasileira de Voleibol (CBV) esclarece que o período para inscrições de atletas na Superliga Cime terminou em janeiro de 2019 e a instituição não recebeu nenhum novo pedido após essa data", completou.