UOL Esporte UOL Esporte
UOL BUSCA

07/10/2007 - 14h25

Rexona conquista o título da Copa Brasil

Da Redação
Em São Paulo
O Rexona-Ades conquistou a Copa Brasil, com uma vitória sobre o Finasa/Osasco, neste domingo. A equipe do técnico Bernardinho fechou a partida com um placar de 3 a 0 (25-19, 25-20 e 25-18), em 1 hora e 29 minutos, na Arena Multiuso, em Brusque, Santa Catarina.

Luiz Doro/adorofoto/Divulgação
Jogadoras do rexona comemoram título com a medalha de ouro no pescoço
"Espero que seja a primeira de muitas Copas Brasil, pois é um campeonato importante para o calendário do vôlei nacional. A Renatinha voltou a atuar bem e foi um dos destaques do jogo. Espero que ela mantenha esse rendimento no Rexona e na seleção brasileira. Cada partida com o Osasco é uma batalha, sabemos que elas irão se preparar e novas disputas virão pela frente. Hoje podemos comemorar, mas amanhã já temos de treinar, porque não dá para relaxar", disse Bernardinho.

O equilíbrio foi a tônica no início do primeiro set neste domingo. Depois da inversão do 5 e 1 e a entrada de Camilla no saque, o Rexona quebrou o passe do adversário e abriu vantagem para fazer 25 a 19 em 25 minutos.

No início da segunda parcial, o equilíbrio predominou mais uma vez. Após o segundo tempo técnico, o Rexona explorou o maior número de erros do adversário (6 a 2) e fez 25 a 20 em 31 minutos. O time imprimiu um ritmo forte desde o início do terceiro set. Na seqüência, a equipe soube administrar a vantagem para fechar com 25 a 18 em 33 minutos.

"Concordo com o que disse o Bernardinho, porque consegui desempenhar bem todos os fundamentos. Devo tudo isso à comissão técnica, em função das cobranças diárias. Apesar de ser cansativo, o campeonato foi proveitoso para conhecermos melhor os adversários", falou a atacante de ponta Renatinha, que foi a maior pontuadora do dia com 12 acertos.

Nos últimos 13 campeonatos que participou o Rexona se classificou para todas as finais. Além da Copa Brasil, o clube conquistou o tricampeonato da Salonpas Cup (2004, 2006 e 2007), o tetracampeonato da Superliga Feminina, o tetracampeonato Carioca e o título do torneio Top Volley da Suíça.

O terceiro lugar ficou com o Fiat/Minas, que venceu o Brasil Telecom também neste domingo. A vitória fechou em 2 a 0 (25-16 e 25-18) em uma disputa de melhor-de-três.

Hospedagem: UOL Host