UOL futebol

  • http://esporte.uol.com.br/futebol/ultimas-noticias/2012/06/16/presidente-do-fla-divulga-nota-de-apoio-a-vice-juridico-para-abafar-crise-interna.htm
  • Presidente do Fla divulga nota de apoio a vice jurídico para 'abafar' crise interna
  • 25/11/2014
  • UOL Esporte - Futebol
  • @UOLEsporte @UOL
  • 2
Tamanho da letra
Patricia Amorim emitiu nota para evitar polêmica ainda maior dentro do Flamengo

Patricia Amorim emitiu nota para evitar polêmica ainda maior dentro do Flamengo

16/06/2012 - 10h02

Presidente do Fla divulga nota de apoio a vice jurídico para 'abafar' crise interna

Do UOL, no Rio de Janeiro

Após alguns dias caladas diante da polêmica do suposto exame que denunciava a presença de álcool no sangue de Ronaldinho Gaúcho, a presidente do Flamengo, Patricia Amorim, resolveu divulgar uma nota de apoio ao vice presidente jurídico do clube, Rafael De Piro, através do site oficial rubro-negro. A manifestação é uma tentativa da mandatária de abafar a crise interna criada em função do mal entendido entre o advogado e os médicos do time da Gávea.

FLA ADMITE QUE EXAME COM ÁLCOOL EM SANGUE DE RONALDINHO NÃO EXISTE

  • Fernando Azevedo/ Divulgação

    Principal arma preparada pelo Flamengo para travar briga na Justiça com Ronaldinho Gaúcho, o exame de sangue que comprovaria álcool no sangue do jogador durante treinamento não existe. Em entrevista ao jornal O Globo, o vice-presidente jurídico Rafael de Piro admitiu que a informação passada a ele sobre o documento “não procede”. A declaração de um dos principais nomes destacados pela presidente Patricia Amorim para cuidar do caso foi feita após o médico José Luiz Runco negar a existência de tal prova

Responsável por preparar o dossiê que irá defender o clube no processo contra Ronaldinho, De Piro se sentiu desprestigiado pela diretoria após as trocas de declarações entre ele e José Luiz Runco, chefe do departamento médico, através da imprensa.

Além de não gostar do posicionamento do médico em negar suas afirmações de que haveria um exame a ser usado como prova contra o Gaúcho, o vice jurídico ficou inconformado com a omissão de Patricia Amorim durante a polêmica. Internamente, De Piro desabafou com pessoas mais próximas e ameaçou largar o caso pois se sentia muito exposto com as recorrentes falhas de comunicação dentro do clube.

Com isso, a presidente utilizou veículo de comunicação oficial do clube para se pronunciar sobre os recentes acontecimentos e tentar amenizar a rusga com um de seus homens de confiança dentro da diretoria.

Em recente entrevista coletiva, Rafael De Piro chegou a afirmar que estaria preparando uma "bala de canhão" para o processo contra Ronaldinho. Com efeito contrário até o momento, o clube tenta se reorganizar para que o ataque não acabe sendo sentido dentro dos corredores da Gávea. O Flamengo tem até o dia 8 de novembro, data da primeira audiência, para montar sua defesa e evitar o pagamento dos R$ 40 milhões cobrados pelo ex-jogador do time.

Confira a nota na íntegra:

"A presidente e o Conselho Diretor do Clube de Regatas do Flamengo vêm, por meio desta nota, reiterar seu incodicional (sic) apoio e confiança na competência e seriedade do Dr. Rafael De Piro à frente da vice-presidência jurídica."

Placar UOL no iPhone