Topo

Basquete

Finalista, técnico que bancou paternidade de brasileiro se inspirou na mãe

Do UOL, em São Paulo

28/05/2017 04h00

Finalista do Campeonato Lituano de basquete, o técnico do Zalgiris Kaunas, Sarunas Jasikevicius, ganhou notoriedade no Brasil ao defender Augusto Lima, que se ausentou dos jogos 2 e 3 da semifinal da competição, disputada em formato melhor de cinco, para acompanhar o nascimento de sua filha Alba. A partir deste domingo (28), treinador e jogador começam a decidir o torneio contra o Lietkabelis mais unidos após o incidente, que teve como inspiração a mãe do comandante.

Jogadora de handebol de sucesso, Rita Jasikevicius, mãe do técnico, foi medalhista de prata no Mundial de 1975. Um ano depois, poderia repetir o sucesso na Olimpíada de Montreal, mas decidiu se ausentar da competição para dar à luz a o hoje treinador do Zalgiris.

Depois de jogar na Espanha entre 2009 e 2016, Augusto Lima está em sua primeira temporada no Zalgiris. O ala-pivô foi um dos 12 jogadores que defenderam a seleção brasileira na Olimpíada do Rio de Janeiro.

Augusto foi liberado por Jasikevicius dos jogos 2 e 3 da série contra o Neptunas, que terminou 3 a 1 a favor do Zalgiris, para acompanhar o nascimento de Alba. Como a semifinal foi mais difícil que o projetado, já que o time do brasileiro é o atual hexacampeão lituano, o ala-pivô foi alvo de críticas da imprensa local, ganhando o apoio de seu treinador.

Assim como Augusto, Jasikevicius também vive temporada de estreia pelo Zalgiris. Depois de trabalhar dois anos como assistente técnico do clube, o lituano assumiu como treinador principal durante a última campanha do clube, fazendo agora a sua primeira completa.

Antes disso, Jasikevicius foi um armador de sucesso, que jogou entre 1998 e 2014, ano em que se aposentou após uma temporada pelo Zalgiris. Como jogador, foi quatro vezes campeão da Euroliga e chegou à NBA, liga em que defendeu Indiana Pacers e Golden State Warriors. Pela seleção, tem como maior conquista o Eurobasket de 2003.

Agora, para repetir o sucesso como jogador, Jasikevicius tem como um de seus maiores aliados Augusto Lima, que se emocionou com as palavras do treinador.

"Minha esposa chorou e o agradeceu. Mandei para ele uma mensagem: se você proteger minha família, eu protejo a sua", afirmou o ala-pivô brasileiro.

Com o técnico e o ala-pivô alinhado, o Zalgiris começa neste domingo sua campanha pelo hepta-campeonato. A decisão será no formato melhor de sete jogos.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!