Topo

Esporte


Médico revela que ex-campeão de boxe foi operado no cérebro após nocaute

Jacques Boissinot/The Canadian Press via AP
Adonis Stevenson foi nocauteado por Oleksandr Gvozdyk Imagem: Jacques Boissinot/The Canadian Press via AP

Do UOL, em São Paulo

06/12/2018 09h16

A situação do boxeador Adonis Stevenson ainda é crítica, de acordo com o médico Alexis Turgeon. Ex-campeão mundial do Conselho Mundial de Boxe (WBC), o lutador precisou passar por uma cirurgia de emergência no cérebro no último sábado (1º) após ter sido nocauteado pelo ucraniano Oleksandr Gvozdyk.

Leia também:

A revelação da cirurgia no cérebro foi feita pelo médico durante entrevista coletiva na última quarta-feira (5). De acordo com Turgeon, o quadro clínico de Stevenson é estável, mas ainda crítico.

"O senhor Stevenson foi submetido a uma cirurgia na noite de sábado para domingo e desde então está na unidade de tratamento intensivo. Ele sofreu diversas lesões cerebrais. Seu estado ainda é estável pelas circunstâncias, mas crítico", afirmou.

No sábado, Adonis Stevenson foi nocauteado pelo ucraniano Oleksandr Gvozdyk no 11º assalto da disputa pelo cinturão do peso meio-pesado. Segundo o Montreal Journal, Stevenson passou mal após tomar banho, já nos vestiários, e rapidamente foi levado ao Hospital Enfant-Jesus na cidade de Québec, no Canadá.

O pugilista de 41 anos perdeu consciência na ambulância, e, ao chegar ao hospital, foi diagnosticado com uma lesão cerebral.

Mais Esporte