Topo

Fórmula 1

Haas pede R$ 2 milhões ao circuito da Malásia por acidente com bueiro

Do UOL, em São Paulo

03/10/2017 09h59

A equipe Haas quer que a organização do circuito de Sepang pague 500 mil libras (R$ 2 milhões) como compensação pelos danos causados no acidente do piloto Romain Grosjean. No treino livre para o GP da Malásia, o piloto teve pneu estourado após passar sobre um bueiro e assustou Felipe Massa, que estava logo atrás do francês com a sua Williams. "Eu já levei uma molada, então levar uma bueirada seria demais!", disse o brasileiro.

De acordo com o site "Autosport", a indenização pedida pela Haas serviria também como um aviso para que os GPs aumentem a segurança das pistas.

O inusitado acidente gerou inspeção da FIA no circuito malaio antes da corrida disputada no domingo e que teve Max Verstappen como vencedor. Os engenheiros de prova olharam todos os bueiros e entenderam que uma solda mal reforçada contribuiu para o acidente.

Os bueiros do circuito passaram a ser uma preocupação depois do acidente de Romain Grosjean. O francês teve o pneu furado por uma tampa de bueiro, que estava solta na zebra, e bateu forte na barreira de proteção.

O piloto não se feriu, mas o diretor de prova Charlie Whiting foi ver de perto a zebra e decidiu que não havia condições de continuar a sessão.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!