Topo

Fórmula 1

Hamilton bate recorde da pista e larga na pole no GP da Espanha de F-1

Manu Fernandez/AP
Lewis Hamilton durante treino classificatório para o GP da Espanha Imagem: Manu Fernandez/AP

Do UOL, em São Paulo

12/05/2018 11h05

Líder da temporada, o britânico Lewis Hamilton cravou neste sábado o melhor tempo da história do atual traçado do circuito de Barcelona na Fórmula 1 e ficou com a pole position para o GP da Espanha, que será realizado às 10h10 (de Brasília) de domingo.

Ele cravou 1min16s173, diminuindo o recorde que, antes do treino classificatório, pertencia a Sebastian Vettel, que fez 1min17s182 nos testes de março. O finlandês Valtteri Bottas larga em segundo com a Mercedes (1min16s213) e Vettel (1mins16s305) foi o terceiro com a Ferrari.

Esta foi a 74ª pole de Hamilton na carreira, a segunda em 2018. Mesmo enfrentando uma temporada irregular, o britânico é o líder do Mundial de Pilotos com 70 pontos, quatro a mais do Vettel.

Um ano de recordes

A passagem da Fórmula 1 por Barcelona rendeu uma série de recordes em 2018. Nos testes de março, ele foi estabelecido de forma extra-oficial em dois dias consecutivos. Primeiro com Daniel Ricciardo, e depois com Vettel, que ficou com o recorde até este sábado.

Na verdade, até o Q2, quando o alemão encerrou na frente estabelecendo o primeiro tempo abaixo dos 1min17 ao fazer 1min16s802. No Q3, a série de recordes quebrados continuou, com os seis primeiros andando na casa dos 1min16s.

Vale a ressalva que as marcas em testes não são registradas como oficiais por terem sido alcançadas durante os treinos Em provas de Fórmula 1, o tempo de 1min19s149, obtido por Lewis Hamilton na classificação de 2017, era o melhor até este sábado.

Alonso no Q3

Correndo com o apoio da torcida, Fernando Alonso conseguiu pela primeira vez entrar na fase decisiva de um treino classificatório com a McLaren. Largará em oitavo, ficando atrás dos dois carros de Mercedes, Ferrari e Red Bull e da Haas de Kevin Magnussen.

Mais um treino para a Williams esquecer

Olha o que aconteceu com Lance Stroll? O canadense saiu da pista na curva 12 e ficou pelo caminho no Q1, registrando a último tempo com 1min20s225. Seu companheiro de Williams, o russo Sergey Sirotkin, ficou com o penúltimo tempo. O brasileiro Felipe Massa estava nos paddocks e, antes mesmo do treino, disse que estava surpreso com o desempenho deste ano da equipe. 

Eles só não vão largar em último porque Brendon Hartley, da Toro Rosso, sofreu um forte acidente no terceiro treino livre e não foi para a pista. Segundo a Sky Sports, ele não correrá no domingo, mas a equipe ainda não se manifestou oficialmente.

Veja como ficou o grid de largada

Q3:

1. Lewis Hamilton (GBR/Mercedes) 1min16s173
2. Valtteri Bottas (FIN/Mercedes) 1min16s213
3. Sebastian Vettel (ALE/Ferrari) 1min16s305
4. Kimi Raikkonen (FIN/Ferrari) 1min16s612
5. Max Verstappen (HOL/Red Bull) 1min16s816
6. Daniel Ricciardo (AUS/Red Bull) 1min16s818
7. Kevin Magnussen (DIN/Haas) 1min17s676
8. Fernando Alonso (ESP/McLaren) 1min17s721
9. Carlos Sainz Jr (ESP/Renault) 1min17s790
10. Romain Grosjean (FRA/Haas) 1min17s835

Q2:

11. Stoffel Vandoorne (BEL/McLaren) - 1min18s323
12. Pierre Gasly (FRA/Toro Rosso) -  1min18s463
13. Estéban Ocon (FRA/Force India) - 1min18s696
14. Charles Leclerc (MON/Sauber) - 1min18s910
15. Sergio Pérez (MEX/Force India) -1min19s098

Q1:

16. Nico Hülkenberg (ALE/Renault) - 1min18s923
17. Marcus Ericsson (SUE/Sauber) - 1min19s493
18. Sergey Sirotkin (RUS/Williams) - 1min19s695
19. Lance Stroll (CAN/Williams) - 1min20s225
20. Brendon Hartley (NZL/Toro Rosso) - sem tempo

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!