"Profecia" de Renato se confirma e Grêmio cresce na caça ao Corinthians

Jeremias Wernek

Do UOL, em Porto Alegre

A "profecia" de Renato Gaúcho se confirmou. Duas rodadas depois de afirmar que o Corinthians iria "despencar", a diferença do Grêmio em relação ao líder do Brasileirão diminuiu. O melhor ataque do campeonato e dois empates do Timão ajudam a explicar como a disputa que parecia fria começou a esquentar.

Após a 13ª rodada, o Corinthians tinha dez pontos de vantagem. Nesta quinta, o Grêmio acorda seis pontos atrás do primeiro colocado.

É bem verdade que Renato, após a vitória em cima da Ponte Preta, se desculpou e corrigiu o termo ao falar do Corinthians. Mas no aproveitamento não precisa correção. Houve uma queda de 90% para 82% de aproveitamento na campanha do time de Fábio Carille.

"Não é o Corinthians, toda equipe [vai oscilar]. Até o Grêmio uma hora vai tropeçar. Se tirar o Corinthians, que é uma situação anormal, todos os demais estão brigando. O que falo é para o grupo fazer a sua parte. Lógico que estamos à caça do Corinthians, querendo se distanciar dos outros, mas não adianta pensar neles e esquecer de nós", disse Renato depois de ganhar do Vitória, por 3 a 1, nesta quarta-feira.

O empate entre Flamengo e Palmeiras na Ilha do Urubu, por 2 a 2, deixou o Grêmio ainda mais afirmado como o perseguidor oficial. Da vez.

O retorno do Grêmio ao páreo se explica pelo intervalo entre os jogos da Copa do Brasil e Libertadores. Sem outra competição para jogar, o Tricolor usou força máxima no Brasileirão. Superou as três derrotas em série (Corinthians, Palmeiras e Avaí) e se isolou como melhor ataque do campeonato: 30 gols em 15 partidas. Média de dois gols por jogo.

Até a 14ª rodada, o Grêmio vinha com melhor ataque do campeonato, mas seguido de perto pelo Corinthians. Como não marcou no estádio da Ressacada, o Timão estagnou no critério. O Tricolor balançou as redes com Fernandinho, Arthur e Ramiro e confirmou sua volta à briga.

A perseguição do Grêmio continua na próxima rodada. Na segunda-feira, o time visita o São Paulo. O Corinthians, um dia antes, encara o Fluminense no Rio de Janeiro.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos