Deyverson marca de novo, Palmeiras vence Botafogo e mantém embalo no BR

Do UOL, em São Paulo

O Palmeiras conseguiu no sufoco a vitória para cima do Botafogo na noite desta quarta-feira (2), em pleno Engenhão. Com gol contra de Rabello e outro de Deyverson aos 40 do 2º tempo, a equipe paulista venceu por 2 a 1, superando o erro do juiz Rafael Traci, que validou gol de Pimpão, em impedimento. Esse é o segundo gol do atacante que está apenas no seu terceiro jogo com a camisa alviverde.

O resultado faz o Palmeiras chegar aos 32 pontos e consolida a arrancada alviverde no Brasileirão. São quatro vitórias e um empate nas últimas cinco partidas e a manutenção de um distante sonho de perseguir o líder Corinthians, que tem 44. Já o Botafogo estaciona com 24 pontos e fica um pouco mais longe de entrar no G-6 e amarga a segunda derrota seguida em casa depois de sofrer a virada para o São Paulo.

Os visitantes começaram o jogo dominando o primeiro tempo inteiro e conseguindo sair na frente apenas em gol contra aos 46 minutos do 1º tempo, com Rabello colocando contra as próprias redes. No segundo, o domínio até os 35 minutos foi dos donos da casa, com direito a gol de Pimpão em posição de impedimento. Nos minutos finais, o Alviverde conseguiu a vitória com Deyverson.

Na próxima rodada, a equipe paulista deve entrar em campo com escalação mista para se poupar para o jogo de quarta-feira (9), pelas oitavas de final da Libertadores, contra o Barcelona-EQU. O jogo está marcado para 16h de domingo, no Allianz Parque, contra o Atlético-PR. No mesmo dia e horário, o Botafogo joga contra o Cruzeiro no Mineirão.

O melhor: Deyverson

O atacante lutou até o fim e quase fez a torcida do Palmeiras se desesperar com um gol desperdiçado no segundo tempo, mas compensou o erro com outro gol. É o segundo em três jogos.

Palmeiras domina Botafogo e exige de Gatito

O Palmeiras dominou praticamente todas as ações do primeiro tempo, empurrando o Botafogo. Logo no início, Deyverson acertou chute perigoso, que contou com desvio para passar por cima do gol e beijar a rede pelo lado de fora. O atacante ainda teria outra chance aos 29 minutos com Gatito fazendo defesa sensacional. O gol do Palmeiras se mostrava maduro.

Água mole em pedra dura...

Diz o ditado que a água consegue furar a pedra depois de tanto pressionar. E foi isso o que aconteceu. Depois de finalizar oito vezes contra apenas duas do Botafogo, sendo uma delas com pequeno perigo de Roger, os paulistas conseguiram abrir o placar. E foi sofrido, aos 46 minutos do 2º tempo. Igor Rabello tentou cortar cruzamento e colocou contra a própria meta.

Botafogo promove estreia de chileno

O meio-campista Leonardo Valência, que já representou a seleção chilena na Copa das Confederações, fez a sua estreia com a camisa do Botafogo. Ele enfrentava problemas burocráticos para conseguir regularizar sua situação trabalhista. Foi com ele que o Alvinegro iniciou a jogada do empate no 2º tempo. 

Gatito faz milagre no 1º tempo, e Botafogo empata com gol ilegal

O goleiro do Botafogo chegou para o segundo tempo já sendo pressionado. Deyverson recebeu passe de cabeça dentro da área, praticamente sozinho, e fez belo desvio. Gatito conseguiu fazer mais uma defesa espetacular. No lance seguinte, Roger recebeu bola pela direita e chuta cruzado para uma boa defesa de Jaílson. Pimpão se aproveita do rebote para empatar o jogo. O detalhe é que o autor do gol estava em completo impedimento. 

Palmeiras vai para frente em busca da vitória

Embora estivesse fora de casa, o Palmeiras foi para cima no Engenhão. Cuca trocou Keno por Raphael Veiga para que Dudu voltasse a atuar aberto e ainda tirou Bruno Henrique para a entrada de Zé Roberto um pouco mais à frente. Ele ainda testou a troca de Borja no lugar de Roger Guedes, tirando mais Deyverson da área.

Deyverson desperdiça e depois compensa

O Palmeiras chegou a ter a chance de ouro para deixar o Engenhão com a vitória, mas viu Deyverson desperdiçar a chance. Em falha na saída da bola do Botafogo, a bola sobrou nos pés do atacante, que ficou cara a cara com Gatito, mas atrasou na hora de finalizar. Minutos depois, ele aproveitou lançamento de Zé Roberto para colocar a equipe à frente.

Futuro de presidente atrasa transmissão

A TV Globo não transmitiu os primeiros 10 minutos das partidas do Campeonato Brasileiro, na noite desta quarta-feira (2). O motivo: o canal estava passando os minutos finais da votação da Câmara dos Deputados sobre a denúncia de corrupção contra o presidente Michel Temer.

Felipe Melo não esquece o Palmeiras

Afastado do Palmeiras por decisão da diretoria e de Cuca, Felipe Melo mantém a rotina que sempre teve como jogador do clube. Quando não podia participar do jogo, ele sempre fez posts em suas redes sociais mostrando que estava assistindo ao jogo. Desta vez não foi diferente.

FICHA TÉCNICA
BOTAFOGO 1 X 2 PALMEIRAS

Local: Engenhão, no Rio de Janeiro
Horário: 21h45 (de Brasília)
Data: 02 de agosto, quarta-feira
Juiz: Rafael Traci - PR (CBF)
Assistentes: Ivan Carlos Bohn - PR (CBF) e Luciano Roggenbaum - PR (CBF)
Cartões amarelos: Igor Rabello, Carli e João Paulo (BOT); Egídio (PAL)
Gols: Igora Rabello, contra, aos 46 minutos do 1º T;  Rodrigo Pimpão, aos 8 minutos do 2º T; Deyverson, aos 40 minutos do 2º T

BOTAFOGO: Gatito; Luis Ricardo, Joel Carli, Igor Rabello e Victor Luis; Rodrigo Lindoso (Leonardo Valencia), Matheus Fernandes, Bruno Silva e João Paulo; Rodrigo Pimpão e Roger
Técnico: Jair Ventura

PALMEIRAS: Jaílson; Mayke, Juninho, Luan e Egídio; Bruno Henrique (Zé Roberto), Thiago Santos e Dudu; Keno (Veiga), Guedes (Borja) e Deyverson
Técnico: Cuca

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos