Tempo fecha entre M. Mendes e Rodrigo; Zagueiro empurra técnico do Vasco

Bruno Braz

Do UOL, no Rio de Janeiro

  • SporTV/Reprodução

    Zagueiro Rodrigo empurra técnico Milton Mendes após empate entre Vasco e Ponte

    Zagueiro Rodrigo empurra técnico Milton Mendes após empate entre Vasco e Ponte

Conhecidamente desafetos, o técnico Milton Mendes, do Vasco, e o zagueiro Rodrigo, da Ponte Preta, se desentenderam após o apito final no empate em 0 a 0 entre as equipes neste domingo e foi preciso que outros jogadores os separassem para que a confusão não fosse maior. Na discussão, o defensor chegou a empurrar três vezes o treinador, que foi seu comandante em São Januário. Mendes saiu do estádio Moisés Lucarelli, em Campinas (SP), e foi prestar queixa na delegacia contra o jogador.

Questionado sobre o que havia acontecido, Milton alfinetou seu ex-atleta.

"É bem o nível dele (Rodrigo). Só fui chamar meus jogadores e ele me empurrou. É uma dor de cotovelo por não estar mais no Vasco. É deprimente o nível. Eu estou tranquilo. Eu simplesmente fui chamar meus jogadores. Esquece. Já passou", declarou ao Sportv.

Já Rodrigo, num primeiro momento, tentou desconversar, mas quando foi avisado de que o treinador citou uma suposta "dor de cotovelo", não deixou barato:

"Foi um empurrão de amigo... (neste momento, é informado sobre a declaração de Milton). Vocês estão de brincadeira. Minha história eu já fiz no Vasco. Fui um dos maiores zagueiros-artilheiros. Tenho o maior respeito pela camisa. Ele que tem que ter um pouco mais de respeito com os jogadores que estão lá".

A princípio, Rodrigo não iria se pronunciar sobre o assunto, mas nos bastidores, já justificava a atitude dizendo que não gostou de ser "tocado", "abraçado" por Milton Mendes. Porém, posteriormente, resolveu dar sua versão através de sua conta no Instagram:

 

ESCLARECIMENTO!

Uma publicação compartilhada por Rodrigo R3 (@rodrigooficial03)

em

Já o treinador, na entrevista coletiva após o jogo, voltou a afirmar que não falou nada para Rodrigo:

"Não teve diálogo. Quando cheguei, falei com meus meninos para ir embora porque tínhamos a viagem de volta e ele me empurrou. E quando ele me empurrou, fiquei sem saber o que estava acontecendo e ele me empurrou de novo. A única coisa que eu disse foi levantar o braço e dizer: "chama a polícia!". Só respondi uma coisa para ele porque também não tenho sangue de barata, foi só depois de ser molestado", declarou, sem revelar o conteúdo da resposta. 

Demonstrando um pouco de emoção na fala, Milton Mendes revelou que sua família, que mora em Portugal, estava no estádio.

"Isso é uma pergunta que tem que se fazer para ele (sobre relação ruim com jogadores). O histórico dele que pode dizer. O tempo de Vasco. Os amigos que ele tem lá. Os inimigos que ele tem muito também e que deixou lá. Eu estou um pouco triste pelo fato, porque sou pai de família. Coincidentemente, minha família esta aí, deve ter visto tudo e deve estar triste", disse o treinador, que informou que o caso está entregue ao departamento jurídico do Vasco. 

Técnico da Ponte Preta, Gilson Kleina recriminou os dois:

"Fiquei sabendo que teve esse empurrão. Não vi, mas, se aconteceu, os dois estão errados. Acabou o jogo, não tem nada que falar. Se (o Rodrigo) decidiu vir para cá, é um orgulho defender a Ponte. Vamos analisar a imagem, mas vejo o Rodrigo muito feliz aqui. Não posso falar de outra agremiação, vamos ver o que o Milton falou, mas não pode chegar nessa esfera".

TV flagra o momento

Nas imagens captadas pelo Sportv, é possível ver os vascaínos Paulo Vitor e Jean conversando com Rodrigo ao centro do gramado. Passado pouco tempo, Milton Mendes se aproxima e segura no braço de Jean o chamando. O zagueiro da Ponte, então, o encara e dá dois empurrões em seu ex-comandante. O treinador não reage e Rodrigo segue em direção ao técnico até empurrá-lo mais uma vez. Jean chega e separa os dois. 

Neste sábado, o UOL Esporte já trazia o clima ruim entre o elenco do Vasco e o técnico Milton Mendes.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos