Renato lamenta ausência de Luan e diz que Grêmio 'não fez nada' para ganhar

Do UOL, em Porto Alegre

Após a derrota por 1 a 0 para a Chapecoense neste domingo (17) e ver crescer a distância do Corinthians no Brasileiro para 10 pontos, o técnico Renato Gaúcho disse que o Grêmio não fez nada para vencer. Além disso, lamentou a ausência de Luan.

"Não fizemos nada para ganhar o jogo. Não jogamos bem. Tivemos controle e posse, mas isso não quer dizer nada. Criamos pouco. Faltou criação. Tomamos um gol com menos de um minuto no segundo tempo, complicou ainda mais as coisas. O esquema deles jogarem era se fechar e não conseguimos furar o bloqueio. Desperdiçamos mais uma grande chance dentro de casa", afirmou.

Neste domingo, o Tricolor pouco criou e foi derrotado por 1 a 0, gol de Arthur Caíke no começo do segundo tempo. Com a vitória do Corinthians sobre o Vasco, a distância foi par a 10 pontos.

"Agora vamos esquecer o Brasileiro. Não conseguimos de novo o resultado, mas vamos seguir lutando", sintetizou.

Luan não jogou novamente. O meia-atacante foi a ausência mais lamentada por Renato Gaúcho.

"Ele é diferente, faz a diferença, nos ajuda bastante. Vocês viram que lá contra o Botafogo tive que improvisar o Léo Moura, porque não temos este jogador de criação. Faz falta para qualquer time. Mas não vamos nos lamentar. Jogamos mal, não criamos e perdemos o jogo. Agora temos que pensar na quarta-feira, é Libertadores e jogamos a decisão em casa", afirmou.

O Grêmio encara o Botafogo na quarta-feira pela Libertadores. Empatou o jogo de ida em 0 a 0 no Rio. Pelo Brasileiro o próximo jogo será contra o Bahia, fora de casa.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos