Topo

Esporte


Ceni promete conversa sobre renovação com o Fortaleza até o fim da Série B

Divulgação/Fortaleza EC
Técnico tem contrato com o Fortaleza só até o final de 2018 Imagem: Divulgação/Fortaleza EC

Do UOL, em São Paulo

2018-11-10T20:35:14

10/11/2018 20h35

A vitória diante do Avaí neste sábado (10) por 1 a 0 deu o título da Série B do Campeonato Brasileiro de 2018 ao Fortaleza. No entanto, não foi capaz de definir uma questão na equipe: o técnico Rogério Ceni permanece no clube em 2019?

Contratado pela equipe cearense até o final de 2018, o ex-goleiro ainda tem futuro incerto. Neste sábado, após o jogo no Estádio da Ressacada, Ceni deixou claro: sua permanência depende do trabalho do clube para fazer uma boa campanha na Série A de 2019.

Por enquanto, o foco era unicamente na conquista. “Ainda não conversamos absolutamente nada agora, porque o momento era de concentração. Eu sou um cara que, culturalmente, pelo clube em que eu joguei (São Paulo), sempre buscava títulos, então não queria que perdessem o foco”, disse, em entrevista ao canal de TV por assinatura SporTV. “Mas a partir da outra semana, ou no mais tardar quando acabar o campeonato, vamos conversar em relação ao futuro”, prometeu.

Leia também:

Acostumado a levantar diversos troféus como goleiro do São Paulo, Rogério Ceni conquistou pelo Fortaleza seu primeiro grande título como treinador – em 2017, à frente do São Paulo, o técnico foi campeão da Florida Cup, um torneio amistoso internacional que vale como pré-temporada para clubes brasileiros. Por isso, para ele, o título da Série B foi “talvez uma das grandes da minha carreira”.

“Ser goleiro já é difícil, ser goleiro e treinador em uma mesma vida não é fácil”, brincou. “(No) segundo ano de carreira, campeão da Florida Cup ano passado, hoje campeão da Série B com uma equipe que vinha 12 anos sem jogar a Série A, nunca tinha vencido um campeonato tão importante como esse, no ano do centenário... Isso é para sempre”, completou. Em 2018, o Fortaleza completou 100 anos de fundação.

Na saída do gramado, Rogério Ceni ainda elogiou a torcida, descrita por ele como “o grande combustível” na campanha do acesso. E fez questão de destacar o papel dos jogadores.

“Todos se dedicaram muito. É o talento deles que entra no final”, disse. “Os caras são fantásticos. O merecimento é dos jogadores. Ali tem muito jogador bom, com muita alma, coração, caráter.”

Mais Esporte