Topo

Vasco

Vasco vence Bangu com novo gol de T. Reis e pega Fla na final da Taça Rio

Do UOL, no Rio de Janeiro

2019-03-28T23:31:45

28/03/2019 23h31

Contando novamente com a estrela e o faro de gol de Tiago Reis, o Vasco venceu o Bangu por 1 a 0 hoje à noite, no Maracanã, e garantiu vaga na final da Taça Rio neste domingo, quando enfrentará o rival Flamengo, que no dia anterior bateu o Fluminense por 2 a 1.

Caso o Vasco seja campeão da Taça Rio, ele automaticamente estará classificado para a final do Campeonato Carioca e aguardará o vencedor do duelo entre Flamengo e Bangu.

Já se for derrotado para o rival neste domingo, fará a semifinal do Campeonato Carioca novamente diante do Bangu tendo a vantagem do empate por ter conquistado a Taça Guanabara. Na outra chave, mais um Fla x Flu decidirá o finalista.

Bangu se defende e Vasco perde chances

Como esperando, o Bangu apostou numa proposta defensiva e o Vasco enfrentou dificuldades para furar esse bloqueio. Quando conseguia, esbarrava na noite inspirada do goleiro Jefferson Paulino. Muitos foram os chutes de fora da área, principalmente com Bruno César, mas o gol só foi sair através de um cruzamento.

Rossi levanta a galera!

Aos 13 minutos, Marrony foi à linha de fundo e cruzou. Rossi pegou bonito, de primeira, e o goleiro Jefferson Paulino fez boa defesa. No rebote, Tiago Reis pegou mal e chutou para fora. A torcida levantou o tom e se animou.

Que balaço e que defesa!

Aos 26, Cáceres cruzou da direita e Bruno César pegou na veia, um verdadeiro balaço. Inacreditavelmente, Jefferson Paulino fez uma defesa de puro reflexo. Uma das mais bonitas de todo o Campeonato Carioca.

Tirou tinta!

Após novo cruzamento de Cáceres aos 31, o pequenino Rossi subiu mais que a zaga e, de cabeça, fez a bola passar rente à trave esquerda de Jefferson Paulino.

Torcida grita "uhhh!"

Aos 8 minutos do segundo tempo, Bruno César rolou com carinho pra Danilo Barcelos que chegou cruzando rasteiro. Tiago Reis e Marrony chegavam de carrinho, mas o goleiro Jefferson Paulino se antecipou e cortou o cruzamento.

Água mole em pedra dura...

Depois de tanto pressionar o Bangu, o Vasco, enfim, chegou ao gol aos 11 minutos do segundo tempo quando Rossi cruzou e o jovem Tiago Reis cabeceou com categoria, no canto esquerdo.

E teve VAR

Aos 29, Marcos Júnior tocou em profundidade para Anderson Lessa, que invadiu a área, bateu cruzado e estufou a rede de Fernando Miguel. A auxilar Andrea Izaura levantou a bandeira assinalando impedimento e, após auxílio e conferência do VAR, o gol foi anulado.

Três jogos como titular e três gols

Este foi o terceiro jogo consecutivo de Tiago Reis como titular e o terceiro em que faz um gol. Vice-artilheiro da Copa São Paulo de futebol júnior deste ano, o jovem de 19 anos vai deixando o experiente Maxi Lopez com cada vez menos espaço na equipe.

O melhor - Jefferson Paulino

O goleiro do Bangu, literalmente, fez chover no Maracanã com defesas milagrosas. Ele tem feito um Campeonato Carioca de destaque.

O pior - Bruno Silva

O volante se mostrou um pouco perdido em campo e fez escolhas erradas de passe.

Valentim manteve equipe

Mesmo tendo sido derrotado pelo Bangu no último domingo, o técnico Alberto Valentim resolveu manter a mesma equipe e o time teve uma apresentação melhor, criando chances e parando na noite inspirada do goleiro Jefferson Paulino até achar o gol com Tiago Reis.

Ado deu padrão ao time

Mesmo assumindo o time no andamento do Carioca, Ado deu padrão ao Bangu, que se mostrou um time muito organizado, principalmente no sistema de marcação.

Maxi Lopez fora

Com uma lombalgia, o atacante Maxi Lopez não foi relacionado para a partida contra o Bangu. O argentino havia ficado no banco para Tiago Reis no último domingo, quando as equipes também se enfrentaram.

Filho de Cláudio Adão

Com a camisa 10 do Bangu esteve em campo Felipe Adão, filho do lendário Cláudio Adão, que fez sucesso nas décadas de 70 e 80 no futebol brasileiro.

Veja como foi a chegada do Vasco

BANGU 0 X 1 VASCO
Local:
Maracanã, Rio de Janeiro (RJ)
Hora: 21h30 (horário de Brasília)
Árbitro: Wagner do Nascimento Magalhães
Auxiliares: Rodrigo Figueiredo Henrique Corrêa e Andrea Izaura Mafra
Cartões amarelos: Leandro Castan (VAS)
Cartões vermelhos: Nenhum
Gols: Tiago Reis, aos 11 minutos do segundo tempo (VAS)

Bangu
Jefferson Paulino, João Lucas, Rodrigo Lobão, Anderson Penna e Dieyson; Felipe Dias, Marcos Júnior, Yaya e Felipe Adão (Rhainer); Jairinho e Anderson Lessa
Técnico: Ado

Vasco
Fernando Miguel, Raul Cáceres, Werley, Leandro Castan e Danilo Barcelos; Bruno Silva e Lucas Mineiro; Rossi (Marcelo Mattos), Bruno César (Thiago Galhardo) e Marrony; Tiago Reis
Técnico: Alberto Valentim