Ameaça de rebaixamento move Grêmio no título gaúcho: "Falaram que ia cair"

Do UOL, em Porto Alegre

Ao serem campeões gaúchos, os jogadores do Grêmio assumiram uma postura de resposta. A todos que desconfiaram do time, que no início do Gauchão estava na zona de rebaixamento.

"Falaram até que a gente seria rebaixado. Imagina? Impossível. Falaram que o Grêmio ia cair. Garantimos ao professor Renato que chegaríamos na final. Provamos que o Grêmio é muito forte e quando chega é muito difícil pegar a gente", disse o capitão Maicon.

O Grêmio esteve por uma série de rodadas na zona de rebaixamento. Como começou o torneio com o time B (chamado de transição), chegou a ser lanterna da competição.

Mas melhorou a partir da entrada do time principal, que estava de férias no início do torneio por força da disputa do Mundial de Clubes. Classificou-se graças a uma vitória na última rodada contra o Internacional no Beira-Rio. Depois bateu o rival nas quartas, o Avenida na semi e o Brasil de Pelotas na final.

"O Gauchão precisávamos para provar a força do nosso grupo, a gente, desde o primeiro título, tínhamos a mentalidade de ganhar mais e mais. No começo do campeonato falaram que seríamos rebaixados. Quem começou foram os meninos da transição. O Grêmio quando entrou, bancou que uma vaga seria do Grêmio. Mesmo respeitando os adversários sabíamos disso", afirmou Luan.

O Tricolor volta a ser campeão do Gauchão. Desde 2010 que tal conquista não acontecia. E foi o quarto título num espaço de 16 meses. Ou seja, um a cada quatro meses. "Anos e anos a torcida vai lembrar deste grupo, como lembra dos anos 1990, dos de 1980", afirmou o goleiro Marcelo Grohe.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos