Com Gabriel Jesus de garçom, City derrota o Chelsea e recupera liderança

Do UOL, em São Paulo

O Manchester City derrotou o Chelsea neste sábado (30), por 1 a 0, no estádio Stamford Bridge, em Londres, em jogo válido pela sétima rodada do Campeonato Inglês, e recuperou a liderança da competição, que estava com o Manchester United.

Com o resultado, o City chegou aos mesmos 19 pontos que o arquirrival, mas tem vantagem no saldo de gols (20 contra 19). Também neste sábado, o United goleou o Crystal Palace por 4 a 0. O Chelsea, por sua vez, fica um pouco mais longe dos líderes. É o quarto colocado, com 13 pontos. Está logo atrás do Tottenham, terceiro com 14 pontos.

O único gol da partida foi anotado pelo belga Kevin De Bruyne, que tabelou com o atacante Gabriel Jesus para chutar forte da entrada da área e não dar chances para o goleiro Courtois.

Eddie Keogh/Reuters
Kevin De Bruyne (dir.) comemora gol para o Manchester City contra o Chelsea

Sem Agüero

O Manchester City não pôde contar com o atacante Sergio Agüero, que sofreu um acidente de carro na Holanda, na última quinta-feira (28), após um show do cantor Maluma durante sua folga. O argentino deve ficar dois meses longe dos gramados, pois teve uma fratura na costela. Para o jogo deste sábado, Guardiola escalou Gabriel Jesus no comando do ataque com o apoio de Sané, David Silva, De Bruyne e Sterling.

Mudanças

Conte montou um Chelsea diferente das últimas rodadas. Pedro e Willian começaram no banco de reservas, com Morata sozinho no ataque e Hazard na armação. Aos 34 minutos do primeiro tempo, porém, Morata sentiu uma lesão e pediu para ser substituído. O treinador italiano surpreendeu ao colocar Willian, mesmo com Batshuayi e Pedro à disposição.

John Sibley/Reuters
Willian tenta uma jogada para o Chelsea contra o Manchester City

Primeiro tempo dos visitantes

O Manchester City esteve melhor que o Chelsea no primeiro tempo. Os visitantes tiveram 66% da posse de bola e deram nove chutes a gol, contra apenas dois dos mandantes. A melhor chance de gol aconteceu aos 44 minutos, quando De Bruyne cobrou escanteio pela direita e Fernandinho cabeceou forte. Courtois fez excelente defesa.

Eddie Keogh/Reuters
Gabriel Jesus, do Manchester City, disputa bola com Christensen, do Chelsea

Mais City

Sem um atacante de ofício (Hazard era o jogador mais avançado), o Chelsea levou pouco perigo ao gol de Ederson. Dessa forma, o segundo tempo também foi do City, que quando trabalhou bem a bola no ataque chegou ao gol. Aos 21 minutos, Gabriel Jesus fez o pivô, recebeu passe e tocou para De Bruyne chutar forte, da entrada da área, para as redes.

Quase iguais

Manchester City e Manchester United estão praticamente iguais na tabela. Ambos têm seis vitórias e um empate e levaram dois gols. A única diferença é que o time de Guardiola marcou 22 gols, contra 21 da equipe do técnico José Mourinho.

Visita

A torcida do Manchester City contou com uma presença ilustre no estádio Stamford Bridge. O brasileiro Rogério Ceni foi flagrado pela transmissão oficial da partida no meio dos torcedores visitantes. Demitido do São Paulo no começo de julho, Ceni recentemente tem aprimorado seus conhecimentos sobre futebol na Inglaterra. Na última quinta-feira, o treinador visitou o treino do Tottenham.

Reprodução/ESPN
Rogério Ceni acompanha partida entre Chelsea e Manchester City, na Inglaterra

Agenda

Na próxima rodada do Campeonato Inglês, o Chelsea visita o Crystal Palace, no sábado (14), enquanto o Manchester City recebe o Stoke City, no mesmo dia. A oitava rodada acontece apenas no outro fim de semana, já que o próximo está reservado para as seleções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos