Conmebol pede para CBF avalizar capacidade da Vila Capanema na Libertadores

Napoleão de Almeida

Colaboração para o UOL

  • Reprodução/Facebook Atlético-PR

    Vila Capanema ganha força: Conmebol libera sob aval da CBF

    Vila Capanema ganha força: Conmebol libera sob aval da CBF

A Conmebol já admite que a partida entre Atlético Paranaense x Santos, pelas oitavas de final da Copa Libertadores, possa ser transferida do Couto Pereira para a Vila Capanema. O Atlético solicitou à Conmebol que responda sobre as condições do estádio, se ele atende a exigência de mínimo 20 mil lugares para que se receba o jogo. A confederação sul-americana aguarda apenas que a diretoria de competições da CBF comprove se a Vila tem essas condições para habilitar o estádio e oficializar o plano B do rubro-negro para mandar a partida.

O UOL Esporte entrou em contato com Miguel Ortiz, diretor de comunicação da Conmebol, que disse que "uma vez que a CBF verifique as condições da Vila Capanema e aprove o estádio, a confederação não irá se opor à mudança". Ele confirmou que aguarda a resposta para logo pela manhã desta quarta-feira, 27.

Segundo informações da Rádio Banda B de Curitiba, a CBF irá liberar a capacidade da Vila Capanema para 20.083 pessoas, com restrição de venda de ingressos para 16.770 pessoas. A informação surgiu durante o fim da tarde de terça-feira em Curitiba. O responsável pela liberação é Reginaldo Cordeiro, membro da comissão de vistoria de estádios. Cordeiro também teria vetado o gramado do Couto Pereira para o jogo contra o Santos.

Apesar das movimentações, a disputa judicial pelo mando de campo no estádio do Coritiba seguirá até a homologação da partida por parte da Conmebol em um dos estádios.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos