Ederson pega pênalti, e Benfica arranca vitória do Borussia na Champions

Do UOL, em São Paulo

  • AP Photo/Armando Franca

    Mitroglou marcou o único gol do Benfica sobre o Borussia nesta terça

    Mitroglou marcou o único gol do Benfica sobre o Borussia nesta terça

O Benfica deu um passo importantíssimo na Liga dos Campeões. Nesta terça-feira (14), no Estádio da Luz, a equipe portuguesa contou com uma atuação espetacular do goleiro brasileiro Ederson para parar o ataque do Borussia Dortmund e, com muito oportunismo, arrancar uma vitória por 1 a 0 em partida válida pelas oitavas de final da competição continental. Mitroglou marcou o único gol do jogo.

Agora, Benfica e Borussia voltam a se encontrar apenas em março, no dia 8, uma quarta-feira, para definir quem avança às quartas de final da Champions. Qualquer empate classifica os portugueses. Já o Dortmund precisa vencer por dois gols de diferença para avançar diretamente na competição.

BENFICA DECEPCIONA, E BORUSSIA DOMINA

AP/Armando Franca
Borussia deu trabalho ao Benfica na etapa inicial em Portugal

Ao contrário do que os torcedores esperavam, o Benfica foi passivo durante praticamente toda a etapa inicial. Quem deu as cartas foi o Borussia Dortmund, que, mesmo fora de casa, dominou a posse de bola e jogou todo o primeiro tempo no campo de ataque, trocando passes e criando oportunidades de gol. Marcando em cima e com jogadas rápidas, a equipe alemã assustou pelo menos três vezes os portugueses e só não saíram em vantagem porque faltava pontaria ou paravam no goleiro brasileiro Ederson.

OPORTUNISMO

AFP / PATRICIA DE MELO MOREIRA
Mitroglou abriu o placar para o Benfica no Estádio da Luz

Nem o torcedor mais fanático esperava um gol tão cedo do Benfica na etapa final. Depois de um primeiro tempo para se esquecer, os donos da casa aproveitaram uma bola parada para abrir o placar. Aos três minutos, após cobrança de escanteio de Pizzi, Luisão ganhou pelo alto e a bola acabou nos pés de Mitroglou, que interceptou a cabeçada e chutou para o gol aberto para marcar. 

ASSIM, NÃO!

Reuters / Pedro Nune
Aubameyang desperdiçou uma chance na frente de Ederson

As melhores chances do Borussia saíram dos pés de Aubameyang, que não estava em um dia inspirado. Aos 10min da etapa inicial. Dembélé roubou a bola no ataque e lançou o atacante, que, cara a cara com Ederson, pegou muito embaixo da bola e mandou por cima do gol. Sorte do Benfica, ele não costuma perder esses gols.

EDERSON BRILHA

Reuters / Pedro Nunes
Ederson foi o grande vilão para Aubameyang na partida

No segundo tempo, Aubameyang teve outra oportunidade de ouro, mas desperdiçou. Aos 11min, Fejsa deu um carrinho na área com o braço levantado e o juiz marcou pênalti. Um minuto depois, o atacante gabonês bateu com força, no meio do gol, mas foi surpreendido por Ederson, que ficou parado e impediu o empate do clube alemão. O Borussia ainda teve, pelo menos, outras três oportunidades, todas evitadas com sucesso pelo goleiro brasileiro, que já é observado pela comissão técnica da seleção brasileira.

SENTIU FALTA

Hugo Correia/Reuters
Jonas foi o grande desfalque do Benfica nesta terça

Autor de nove gols em 15 jogos, Jonas foi a grande baixa do Benfica. Apesar de integrar a lista de relacionados para o jogo, o atacante não havia treinado na última segunda-feira e não conseguiu se recuperar de um problema na cervical. Vale lembrar que, devido às lesões, o atacante brasileiro ainda não atuou pela Liga dos Campeões na atual temporada.

500 VEZES LUISÃO

Reprodução/Twitter
Luisão completou 500 jogos pelo Benfica

Luisão completou nesta terça-feira 500 jogos com a camisa do Benfica. Revelado pelo Juventus-SP, ele teve boa passagem pelo Cruzeiro antes de se transferir ao clube português em 2003. Em 14 anos, o zagueiro brasileiro foi pentacampeão do Campeonato Português, além de levantar duas Taças de Portugal, sete Taças da Liga e três Supertaças de Portugal.

FICHA TÉCNICA
BENFICA 1 x 0 BORUSSIA DORTMUND

Local: Estádio da Luz, Lisboa (Portugal)
Data: 14/02/2017
Horário: 17h45 (de Brasília)
Árbitro: Nicola Rizzoli (Itália)
Cartões amarelos: Fejsa (Benfica); Schmelzer, Pulisic e Bartra (Dortmund)
Gol: Mitroglou, aos 3min do 2º tempo
 
BENFICA: Ederson; Semedo, Luisão, Lindelöf e Eliseu; Pizzi, Fejsa, Salvio e Carrillo (Filipe Augusto); Rafal Silva (Cervi) e Mitroglou (Raúl Jiménez). Técnico: Rui Vitória.
 
BORUSSIA DORTMUND: Bürki; Piszczek, Papastathopoulos, Bartra, Schmelzer e Durm; Weigl, Dembélé, Raphaël Guerreiro (Gonzalo Castroe Reus (Pulisic); Aubameyang (Schürrle). Técnico: Thomas Tuchel.

UOL Cursos Online

Todos os cursos