Elogiado no 1º tempo, Alex Sandro acaba como vilão da Juventus na decisão

Do UOL, em São Paulo

O segundo gol de Cristiano Ronaldo na decisão da Liga dos Campeões neste sábado, em Cardiff, no País de Gales, definiu o 12º título do Real Madrid. Para um brasileiro, foi esse mesmo lance que o transformou no vilão da Juventus, que acabou perdendo por 4 a 1.

No início da jogada, o lateral esquerdo Alex Sandro afastou mal uma bola de cabeça, a bola acabou nos pés de Modric, que cruzou para Ronaldo marcar o 3 a 1. O jornal italiano Corriere dela Sera não o perdoou. "Corre mais do que todo mundo, mas perdeu muitas bolas durante a partida. E foi uma dessas bolas perdidas que acabou nos pés de Modric para criar o 3 a 1, que definiu o título", publicou o diário.

A ironia é que Alex Sandro foi, no primeiro tempo (que terminou 1 x 1), um dos mais elogiados do time italiano. Foi dele o cruzamento para Higuain que deu início ao gol de Mandzukic, o mais bonito do dia em Cardiff. "Alex Sandro está tendo um excelente jogo pelo lado esquerdo. Ele dá muito mais profundidade para a Juventus", disse Alan Shearer, ex-centroavante da seleção inglesa e comentarista da BBC Radio.

O jornal Mundo Deportivo também elogiava. "Alex Sandro podia parecer o elo mais frágil da defesa da Juventus, mas está jogando muito bem. Se controlou nas subidas ao ataque e só perdeu uma jogada para Carvajal", analisou o jornal sobre o primeiro tempo do brasileiro.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos