Neymar comenta sobre briga com Cavani pela primeira vez: "Falam demais"

João Henrique Marques

Colaboração para o UOL, em Paris

  • Charles Platiau/Reuters

Neymar ainda não havia falado publicamente sobre a queda de braço com Cavani. Nesta quarta-feira (27), depois da vitória sobre o Bayern de Munique, o brasileiro afirmou, com todas as letras, que não há qualquer desentendimento com o uruguaio.

"Não, é que inventam muita história, falam demais. Falam coisas que não sabem, tentam entrar no nosso privativo, no nosso vestiário, e acabam falando demais. Aí acabam falando coisas que não existem, mas está tudo certo", afirmou o craque na zona mista do Parc des Princes após os 3 a 0 pela Liga dos Campeões.

Reprodução/Instagram

Outros jornalistas só se aproximaram do brasileiro depois desta primeira declaração e acabaram refazendo a pergunta inicial sobre a polêmica com Cavani. "Já respondi aqui, guerreiro", disse ele, desta vez mostrando certa irritação com a insistência. "Já falei sobre isso, as pessoas falam muitas coisas que não são verdades. Isso por dentro do vestiário já está decidido", repetiu, irritado.

Depois da partida, Neymar voltou a citar o tema em seu Instagram. O brasileiro postou uma foto em que aparece abraçando Cavani.

Ainda na zona mista, Neymar rasgou elogios ao jovem Mbappé, de 18 anos, recém-contratado do PSG em empréstimo junto ao Monaco. "Eu me sinto privilegiado de estar jogando ao lado do Mbappé. É um menino ainda, mas é um grande jogador. Dentro de campo, você vê que ele já se mostra como se tivesse 30 anos nas costas. Vai ter uma carreira pra brigar, com certeza, pela Bola de Ouro", exaltou.

Os comentários sobre o francês foram baseados na grande atuação do colega de ataque, que deu as assistências para os gols de Cavani e do próprio Neymar – o outro do PSG foi marcado por Dani Alves, mas sem participação de Mbappé na jogada.

Para Neymar, o PSG tem grandes chances de conquistar a Liga dos Campeões na atual temporada. "Eu sinto, sim. Temos uma grande equipe, num nível muito alto, onde se pode, sim, sonhar com o título da Champions. Respeitamos muito a equipe do Bayern, mas a gente se vê no mesmo nível dos melhores times da Champions", comentou o jogador mais caro da história.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos