Liga dos Campeões - 2017/18

Emery diz que eliminação "acelera processos" e lamenta ausência de Neymar

Do UOL, em São Paulo

A eliminação do Paris Saint-Germain na Liga dos Campeões para o Real Madrid já coloca o futuro de Unai  Emery em xeque. O técnico, que já chegou a ter problemas com alguns atletas da equipe francesa durante a temporada, mostrou estar consciente de que existe uma possibilidade dele deixar o clube após a derrota nesta terça-feira (6) por 2 a 1 nas oitavas de final.

"Temos que analisar as coisas com frieza. A Champions era um objetivo e essa eliminação acelera os processos. Não conseguimos a classificação e temos que desejar sorte a eles", afirmou na zona mista do Parque dos Príncipes.

Desfalcado de Neymar, que teve o pé direito operado na semana passada, Emery lamentou a ausência do brasileiro, faz evitou fazer uma suposição caso o camisa 10 estivesse disponível para jogar contra o Real. "Neymar é importante e não sabemos o que poderia se passar com ele em campo."

Emery lamentou o resultado do jogo de ida. Para ele, a equipe não rendeu o seu melhor na partida do Santiago Bernabéu, em que o Real Madrid venceu por 3 a 1.

"Na partida estávamos em 50% e não aproveitamos bem. Queríamos estar dentro das quartas. É uma decepção perder nas oitavas, mas não é uma decepção perder para o Real Madrid", finalizou.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos