Cássio minimiza desfalque de trio corintiano e ressalta papel dos jovens

Diego Salgado

Do UOL, em São Paulo

O Corinthians terá de superar os desfalques de três titulares nas partidas contra o São Paulo válidas pela semifinal do Campeonato Paulista. Depois de o time alvinegro vencer o Bragantino por 2 a 0 em Itaquera e garantir a classificação, o goleiro Cássio minimizou as perdas e ressaltou que os jovens do elenco darão a resposta esperada.

Na busca por uma vaga na final do Estadual, o Corinthians não poderá contar com Balbuena, Romero e Fagner, que servem as suas respectivas seleções em amistosos.

O Paraguai enfrenta os Estados Unidos, enquanto o Brasil mede forças com a Alemanha. Ambos os duelos são na casa do adversário e na terça-feira, véspera do clássico com o São Paulo, que começa às 21h45 (de Brasília).

Romero, que não começou entre os titulares contra o Bragantino, deve ser substituído pelo jovem Mateus Vital, de 20 anos. Balbuena dará lugar a Pedro Henrique, 22. Já Mantuan, 21, atuará na vaga de Fagner na lateral direita.

"A gente sabe que o Balbuena é um cara importante e o Fagner é um cara de seleção. Mas tenho certeza que os meninos vão entrar bem, porque o nível de treinamento e concentração é alto. A gente tem total confiança, esses meninos são bem dedicados e sempre dão resposta", disse o arqueiro.

Daniel Augusto Jr./Ag.Corinthians
Cássio ao lado de Balbuena na partida contra o Bragantino: paraguaio será desfalque

Cássio ainda celebrou o retorno da solidez defensiva corintiana antes do duelo com o São Paulo. Antes de sofrer três gols do Bragantino na partida de ida das quartas, a equipe alvinegra emendou três jogos sem sofre gols.

"Temos uma semifinal bem difícil. Nós vínhamos bem, mas acabamos tomando três gols na primeira partida, que não é normal tomar. Conseguimos retomar a tranquilidade e organização. Fez diferença, não demos chances para o adversário. É bom para dar moral", ressaltou.

O goleiro alvinegro destacou ainda que não sentiu dores no quadril durante a partida e irá 100% para as partidas da semifinal. O corintiano sofreu uma trombada e levou a pior na partida contra o Deportivo Lara-VEN, no último dia 14.

"Estou zerado, consegui recuperar bem, trabalhei bem. Agradecer o pessoal da fisioterapia, já joguei sem proteção, sem nada. No primeiro jogo estava um dolorido, mas estou zerado. Vou conseguir treinar normalmente para o clássico de domingo", frisou o atleta alvinegro.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos