Colômbia

Autor de gol da Colômbia já foi comparado a Messi e é amigo antigo de James

AFP PHOTO / Mladen ANTONOV
Juan Quintero e James Rodríguez são amigos antigos Imagem: AFP PHOTO / Mladen ANTONOV

Eduardo Lucizano e Gustavo Setti

Colaboração para o UOL, em São Paulo

19/06/2018 11h24

Juan Quintero foi o escolhido pelo técnico José Pékerman para ser o substituto de James Rodríguez no meio-campo da Colômbia na estreia contra o Japão, nesta terça-feira (19), em Saransk. Autor do gol colombiano na derrota por 2 a 1 com bela cobrança de falta “à lá Ronaldinho” por baixo da barreira, o camisa 20 é amigo de infância do meia do Bayern de Munique e ganhou comparações com Lionel Messi e Diego Maradona ao longo de sua trajetória.

Simule os classificados e o mata-mata do Mundial
- Neymar S/A: a engrenagem por trás do maior jogador de futebol do Brasil
- De ídolo a homem de negócios, Ronaldo tem tudo a ver com a seleção atual

Há cinco anos, ele foi o grande destaque da seleção colombiana no Mundial sub-20 de 2013 e marcou três gols naquela competição, o suficiente para surgirem as semelhanças com os dois argentinos por conta do estilo de jogo, estatura e a habilidade com a perna esquerda.

"Ele foi excepcional. Ele pode se tornar um jogador em pé de igualdade de Lionel Messi. A compostura que ele mostrou foi inacreditável para um atleta tão jovem. Sem dúvida que ele se tornará uma estrela”, disse o ex-jogador suíço Kubilay Turkyilmaz, que foi embaixador da Fifa naquele torneio.

Já Quintero quis evitar falar de qualquer comparação com os argentinos. “As pessoas não deviam começar a fazer comparações. Vamos ver em alguns anos onde as coisas vão me levar, mas no momento eu sou apenas o camisa 10 do time sub-20”, afirmou em entrevista ao site da Fifa na época.

Logo após o Mundial, Quintero deixou o Pescara, da Itália, e foi contratado pelo Porto por 10 milhões de euros (R$ 43,5 milhões na cotação atual). Porém, em Portugal, ele não ganhou muito espaço, pouco se destacou e acabou emprestado ao Rennes, da França, em 2015.

Marcelo Endelli/Getty Images
Quintero atualmente defende o River Plate Imagem: Marcelo Endelli/Getty Images

De volta ao Porto um ano depois, o jogador ficou mais uma temporada no clube português, mas a falta de brilho rendeu outro empréstimo, desta vez para o Independiente Medellín, de seu país natal. Mais uma temporada e um novo empréstimo. Depois de voltar a Portugal no fim de 2017, Quintero sequer foi cogitado no elenco e acabou emprestado ao River Plate, da Argentina, no começo deste ano. No Porto, foram 64 jogos, com sete gols e 11 assistências.

Amizade com James

As boas atuações pelo clube argentino foram suficientes para convencer Pékerman e renderam o chamado para a segunda Copa da carreira. E, nesta terça, o camisa 20 ganhou a chance de titular no lugar de seu amigo James Rodríguez, que começou no banco por conta de dores musculares e só entrou no segundo tempo. Com o gol contra o Japão, o substituto  se tornou o primeiro colombiano a marcar em dois Mundiais.

A relação dos dois é antiga. Quintero e James disputaram na mesma época a liga infantil Pony Fútbol, em Medellín. Em 2004, os dois posaram juntos para uma foto, mas não atuavam no mesmo time. Na época com 13 anos, o camisa 10 defendia a Academia Tolimense, enquanto Quintero, com 11 anos, jogava pelo Belén Rincón. Depois disso, ambos foram contratados pelo Envigado e mantêm a amizade desde então.

A amizade ficou nítida depois que Quintero foi às redes nesta terça-feira. Ao marcar, foi em direção do melhor jogador colombiano do último Mundial que ele foi correndo para abraçar.

Com James e Quintero, a Colômbia agora precisará reagir na Copa do Mundo. Depois de estrear com derrota, a equipe volta a campo no próximo domingo (24), quando encara a Polônia, às 15h (de Brasília), na Arena Kazan.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está fechada

Não é possivel enviar comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Colômbia

Topo