Topo

Argentina

  • Athletico CAP
  • Atlético-MG AMG
  • Avaí AVA
  • Bahia BAH
  • Botafogo BOT
  • Ceará CEA
  • Corinthians COR
  • Coritiba CBA
  • Chapecoense CHA
  • Cruzeiro CRU
  • CSA CSA
  • Flamengo FLA
  • Fluminense FLU
  • Fortaleza FOR
  • Goiás GOI
  • Grêmio GRE
  • Internacional INT
  • Palmeiras PAL
  • Santos SAN
  • São Paulo SAO
  • Sport SPO
  • Vasco VAS

"Quebrados" e "a bordo da eliminação": jornais argentinos lamentam derrota

Reprodução/Olé
Jornal Olé repercutiu a derrota da Argentina contra a Croácia Imagem: Reprodução/Olé

Do UOL, em São Paulo

2018-06-22T05:28:17

22/06/2018 05h28

Os jornais argentinos não aliviaram para a seleção da Argentina e criticaram fortemente a atuação da equipe na derrota por 3 a 0 para a Croácia, na última quinta-feira (21), pelo grupo D da Copa do Mundo.

Simule os classificados e o mata-mata do Mundial
- Neymar S/A: a engrenagem por trás do maior jogador de futebol do Brasil
- De ídolo a homem de negócios, Ronaldo tem tudo a ver com a seleção atual

Reprodução/Clarín
Imagem: Reprodução/Clarín
O Olé estampou “Quebrado” e ainda falou em "papelão". “A seleção, com condução indecifrável e jogadores sem alma, foi massacrada com um 3 a 0 lapidário. Messi não fez nada, nem apareceu, e agora dependemos de um milagre para não cairmos na primeira fase do Mundial”, disse.

Já o Clarín publicou uma foto do goleiro Caballero, que falhou feio no primeiro gol dos croatas, com a legenda: “sem palavras. O gesto de Caballero diz tudo. Uma grave falha dele resultou no primeiro gol croata”. Já a manchete foi: “é preciso mais que um milagre”. Também sobrou para Messi: “desconhecido e quase ausente”.

Reprodução/La Nación
Imagem: Reprodução/La Nación

Por fim, o La Nación manteve o tom crítico: “Derrubados – A seleção, a bordo da eliminação”. O jornal fez uma sessão de análise sobre a derrota, dizendo que “esta queda começou muito tempo atrás”.

Com a derrota, a equipe argentina segue com apenas um ponto em dois jogos (empatou por 1 a 1 contra a Islândia na estreia) e jogará as chances de classificação contra a Nigéria, na próxima terça-feira (26), às 15h (de Brasília), em São Petersburgo.

Mais Argentina