Tunísia

Técnico da Tunísia pede desculpa à torcida e vê país competitivo no futuro

REUTERS/Christian Hartmann
Nabil Maaloul, técnico da Tunísia, durante derrota contra a Bélgica Imagem: REUTERS/Christian Hartmann

Do UOL, em São Paulo

23/06/2018 11h49

O técnico da Tunísia, Nabil Maaloul, lamentou a derrota por 5 a 2 para a Bélgica, neste sábado (23). O treinador pediu até mesmo desculpa aos torcedores do país.

Simule os classificados e o mata-mata do Mundial
- Neymar S/A: a engrenagem por trás do maior jogador de futebol do Brasil
- De ídolo a homem de negócios, Ronaldo tem tudo a ver com a seleção atual

Copa-2018: Assista aos gols de Bélgica 5 x 2 Tunísia

“Foi um jogo difícil, como esperávamos. Nós sabíamos que a partida contra a Bélgica não seria fácil. Pedimos desculpas aos torcedores tunisianos. Fizemos nosso melhor e queremos melhorar no futuro”, afirmou

Maaloul acredita em maior competitividade dos tunisianos no futuro, mas não a curto prazo. “Precisamos de duas gerações para sermos competitivos”, disse.

A Tunísia volta a jogar na próxima quinta-feira (26), quando enfrenta o Panamá, às 15h (de Brasília), em Saransk.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está fechada

Não é possivel enviar comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Tunísia

Topo