Croácia

Modric festeja vitória contra ingleses e lamenta saída de Ronaldo do Real

Shaun Botterill/Getty Images
Luka Modric, da Croácia, gesticula em campo na partida contra a Inglaterra Imagem: Shaun Botterill/Getty Images

12/07/2018 08h41

O meia Modric vive o ápice de sua carreira. Não só por levar a Croácia a uma inédita final de Copa do Mundo, como pelo futebol e liderança apresentados na competição na Rússia. Após a histórica vitória por 2 a 1 sobre a Inglaterra na semifinal, na quarta (11), o capitão croata desabafou diante do clima de "já ganhou" criado pela imprensa britânica antes da partida.

- Por que perdemos? Os fatores que contribuíram para a queda da seleção
- Perrengues na Rússia: de motorista dorminhoco a hotel de filme de terror
Copa mostra que árbitro de vídeo pode minar agressões e "malandragens"

"Sempre tem que respeitar as outras equipes, isso é a primeira coisa. Nós estávamos concentrados. Claro que é uma motivação quando falam tantas besteiras, te motivam ao máximo. Essa equipe tem uma grande força e temos demonstrado isso", afirmou o camisa 10 na zona mista, após o fim do jogo.

As grandes e decisivas atuações de Modric levantam especulações sobre a possibilidade de ele ser eleito o melhor do Mundial e obter a Bola de Ouro. Questionado a respeito do assunto, o meia, no entanto, desconversou e preferiu exaltar a possibilidade de levar a Croácia ao título inédito.

"Essas coisas [levar a Bola de Ouro] não me preocupam", disse, aos risos. "Para mim, é mais importante o êxito do meu país e a conquista da Copa do Mundo. Vamos estar com espírito guerreiro no domingo", acrescentou.

Modric também comentou a saída do astro português Cristiano Ronaldo, que se transferiu do Real Madrid para a Juventus. O croata afirmou que não sabia das negociações, mas deixou um recado para o agora adversário lusitano:

"Sinceramente, não desconfiava que ele pudesse sair. É triste não tê-lo mais conosco no Real Madrid. É uma pessoa que gosto muito e merece toda a sorte agora na Juventus... menos quando for nos enfrentar em alguma oportunidade futura", declarou.

França e Croácia decidem neste domingo (15), às 12h (horário de Brasília), no Estádio Lujniki, em Moscou, a Copa do Mundo. Já Inglaterra e Bélgica duelam no sábado (14), às 11h (Brasília), em São Petersburgo, pelo terceiro lugar da competição.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está fechada

Não é possivel enviar comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais Croácia

Topo