UOL de Primeira

Os bastidores do futebol em primeira mão

Fora do "padrão Fifa" em 14, Morumbi não terá grande obra para Copa América

saopaulofc.net
Torcida do São Paulo no Morumbi; estádio não passará por grande reforma para Copa América Imagem: saopaulofc.net
Exclusivo para assinantes UOL

Do UOL, em São Paulo

18/09/2018 04h00

Como publicou a De Primeira, o Morumbi deve ser oficializado nesta terça-feira (18) como sede da partida de abertura da Copa América de 2019. Considerado fora dos padrões da Fifa para receber partidas da Copa do Mundo de 2014, o estádio está dentro dos critérios estabelecidos pela Conmebol para abrigar a cerimônia de apresentação e o primeiro confronto da competição continental sem que grandes reformas sejam executadas. De acordo com a apuração da De Primeira, o São Paulo não deve precisar alterar a sua programação para este ano, ou seja, o time de Diego Aguirre vai poder mandar as suas partidas no Brasileirão normalmente em sua casa.

Como já estava previsto pelo Tricolor paulista antes mesmo de ser escolhido para receber a Copa América, o estádio vai passar por algumas obras, que devem iniciar no próximo mês. No cronograma estão troca de refletores, instalação da sala de VAR (árbitro de vídeo), reforma dos vestiários, ampliação das tribunas de imprensa e instalação para sala de tradução simultânea). Parte dessas obras será realizada também durante as férias da equipe (entre dezembro e janeiro). O principal trunfo do Morumbi foi a capacidade. A Conmebol queria um local com 60 mil lugares e o estádio tricolor abriga hoje até 67.200 torcedores, sendo que para a Copa América o número deve cair para 65 mil. (Por Bruno Grossi e José Eduardo Martins)

Palmeiras vê Felipe Melo como "indomável"

No meio de uma nova polêmica após manifestar suas preferências políticas, Felipe Melo é considerado pelo Palmeiras como "indomável". O clube já aplicou até multa no salário do volante e diz que pode voltar a fazê-lo se achar necessário, mas não vê outra forma de tentar controlar as aparições do meio-campista. Na polêmica da vez, o clube soltou nota para dizer que a opinião emitida era apenas do atleta e não da instituição. Há o consenso de que ninguém conseguirá mudar a forma de pensar do camisa 30. A frase dita no corredor da Academia é "vamos nos preparar para a próxima".

Mais UOL de Primeira

Topo